Saúde

Pfizer pedirá autorização para terceira dose da vacina contra Covid-19

Metróploes | 09/07/21 - 12h02 - Atualizado em 09/07/21 - 12h09
Dados de um teste em andamento conduzido pela Pfizer mostram que a terceira dose administrada seis meses após a segunda aumenta os níveis de anticorpos | Foto: Carla Cleto / Agência Alagoas

A terceira dose da vacina contra a Covid-19 produzida pelos laboratórios Pfizer e BioNTech tem se mostrado cada vez mais promissora. Por isso, as empresas anunciaram em conjunto nesta quinta-feira (8/7) o pedido de autorização às autoridades reguladoras de saúde para aplicá-la globalmente.

“As empresas esperam publicar dados mais definitivos logo, assim como em uma revista revisada por pares, e planejam enviar os dados à FDA (agência de Alimentos e Drogas americana), à EMA (Agência Europeia de Medicamentos) e a outras autoridades reguladoras nas próximas semanas”, informaram em nota.

Dados de um teste em andamento conduzido pela Pfizer mostram que a terceira dose administrada seis meses após a segunda aumenta os níveis de anticorpos de cinco a 10 vezes mais do que apenas as duas doses, protegendo contra a cepa original do coronavírus e a variante Beta, encontrada pela primeira vez na África do Sul, de acordo com o anúncio.

Ainda segundo a Pfizer, as expectativas de forte proteção contra a variante Delta, altamente contagiosa e dominante no mundo atualmente, se mantém. Mas há indícios encorajadores de que uma terceira dose aumente ainda mais a eficácia da resposta imune.

Mesmo assim, as empresas estão desenvolvendo uma vacina que tem como alvo específico a variante Delta e a previsão é de que os estudos clínicos comecem em agosto deste ano, a partir da aprovação regulatória. As primeiras amostras estão sendo fabricadas nas instalações da BioNTech em Mainz, na Alemanha.

No Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou em 18/6 um estudo clínico para avaliar a segurança e eficácia da terceira dose da vacina da Pfizer/BioNTech. Podem participar do estudo pessoas com diferentes faixas etárias, a partir dos 16 anos.