Polícia

Polícia identifica um dos corpos encontrados carbonizados em Satuba

Carolina Neris* | 24/05/19 - 16h44 - Atualizado em 24/05/19 - 17h21
arquivo TNH1

Foi identificado nesta sexta-feira, 24, um dos corpos encontrados parcialmente carbonizados nessa quinta-feira, 23, em um canavial situado na Zona Rural do município de Satuba, Região Metropolitana de Maceió. Trata-se do adolescente Alisson Gomes Cavalcante, de 17 anos.

De acordo com o Delegado Manoel Wanderley, Alisson era suspeito de participação em um assalto a uma Van que aconteceu em 2017, em Maceió. Esta era sua única passagem pela polícia e aparentemente o jovem não tinha envolvimento com o tráfico.

O corpo da mulher ainda não foi identificado, porém sabe-se que ela e da cidade de Santana do Ipanema e havia chegado à Maceió dois dias antes de ser morta. A família de Alisson disse que o garoto chegou a apresentá-la como namorada e relatou que haviam se conhecido na internet. Porém, não revelou o nome da garota.

A causa das mortes ainda não foi divulgada pelo IML, contudo os corpos apresentavam sinais de tortura. “Eles estavam com mãos e pés amarrados com fios, havia pancadas, sinais de enforcamento e a mulher apresentava a mandíbula quebrada. Houve uma tentativa de queimar os corpos, porém a gasolina deve ter sido pouca, pois não queimou nem as roupas”, descreveu o delegado responsável pelo caso.

A polícia segue a investigação para elucidar a motivação e os responsáveis pelo crime.

*Estagiária sob supervisão da editoria. 

"