Polícia

Polícia Penal transfere 200 presos de facções criminosas para o Presídio do Agreste; veja vídeo

Ascom Seris | 30/09/21 - 07h22 - Atualizado em 30/09/21 - 07h35
Todos têm ligação com facções criminosas que insistem em atuar, mesmo dentro do sistema prisional, na articulação de crimes e na cooptação de novos membros, segundo a Seris | Foto: Cortesia / Ascom Seris

A Polícia Penal desencadeia, nas primeiras horas desta quinta-feira (30), mais uma megaoperação de transferências de presos. Ao todo, 200 reeducandos serão transferidos, a partir das 7h, do Complexo Penitenciário de Maceió para o Presídio do Agreste, em Girau do Ponciano. Todos têm ligação com facções criminosas que insistem em atuar, mesmo dentro do sistema prisional, na articulação de crimes e na cooptação de novos membros. Veja vídeo: 

A operação vai mobilizar 50 policiais penais do Grupamento de Escolta Remoção e Intervenção Tática (Gerit), Chefia Especial de Gestão Penitenciária (CEGP) e Chefia Especial de Unidades Penitenciárias (CEUP), além das polícias Civil e Militar, com o apoio do Grupamento Aéreo da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

De acordo com o chefe especial de Gestão Penitenciária, policial penal Milton Pereira, a transferência é mais uma fase da Operação Nostradamus, que busca sufocar as organizações criminosas e, com isso, evitar o cometimento de ilícitos planejados a partir das unidades prisionais, preservando vidas e garantindo a manutenção da ordem pública e, por conseguinte, a segurança da sociedade alagoana.