Polícia

Policiamento é reforçado e câmeras devem ser instaladas após assalto no corredor Vera Arruda

TNH1 com TV Pajuçara | 26/01/21 - 09h45 - Atualizado em 26/01/21 - 09h49
Vídeo registrado por um morador flagrou o momento em que o jovem é roubado por dois suspeitos. As imagens viralizaram nas redes sociais | Reprodução / TV Pajuçara

A Secretaria de Segurança Comunitária e Convívio Social (Semscs) reforçou o policiamento no Corredor Vera Arruda, no Stella Maris, parte baixa de Maceió, e deve instalar câmeras de videomonitoramento na região. As medidas foram anunciadas pelo secretário da pasta, Thiago Prado, após o assalto a um adolescente que passeava de bicicleta na região. 

Ao Cidade Alerta, da TV Pajuçara, o secretário explicou que o patrulhamento será reforçado na região e que agentes da Guarda Municipal farão a segurança fixa após às 16h.  

"Teremos guardas municipais aqui, equipes se alternando, de forma permanente teremos guardas municipais fazendo esse policiamento preventivo, sempre em contato com a comunidade, detectando eventuais infratores que aqui porventura venham transitar. Destacamos ainda que esse policiamento será feito pela bike patrulha, trafegando ao longo de todo o corredor, como também o policiamento motorizado, pelos grupamentos operacionais da guarda", disse o secretário, acrescentando que o monitoramento por meio de câmeras deverá ser instalado no Vera Arruda.  

"A princípio, por dia, mais de 20 guardas municipais estarão empregados para garantir o policiamento aqui nessa região. Por determinação do prefeito, vamos dar início ao levantamento para instalação do videomonitoramento ao longo de todo o corredor Vera Arruda. Isso auxiliará muito o policiamento, de forma que a Guarda Municipal também terá esse contato com o monitoramento de toda a via e vai conseguir previamente detectar eventuais ameaças e, assim, facilmente deslocar uma equipe de um ponto a outro. Com isso, a gente acredita que praticamente vai zerar o índice de roubo nessa localidade", destacou Thiago Prado.

O delegado Leonam Pinheiro, da Delegacia Especializada de Roubos da Capital (DERC), informou na manhã de hoje que ainda não houve prisão em relação aos suspeitos do caso Vera Arruda e que a vítima também não havia registrado Boletim de Ocorrência. O delegado fez ontem duas prisões sobre um assalto na Jatiúca, mas de um outro caso diferente, este de uma mulher assaltada na Avenida Amélia Rosa.