Saúde

Precisa mesmo ir ao Centro? veja 3 dicas para correr menos riscos

TNH1 com Agência Alagoas | 03/07/20 - 14h35 - Atualizado em 03/07/20 - 14h42
Foto: Itawi Albuquerque/TNH1

As imagens do dia mostram que apesar do alerta dos gestores e autoridades sanitárias, a população compareceu em massa ao Centro de Maceió, neste primeiro dia de reabertura controlada do comércio. a partir desta sexta-feira, 03, estão liberadas apenas lojas com até 400 metros.

Mas para quem realmente precisa ir ao Centro, há medidas que podem minimizar os riscos e aumentar a prevenção ao novo coronavírus. Cuidados simples mas que podem salvar vidas, considerando que Alagoas já perdeu mais de mil pessoas para a covid-19. 

Veja três medidas que podem reforçar sua segurança, e também as orientações da infectologista e gerente médica do Hospital da Mulher, Sarah Dominique.

      1. Levar pelo menos uma máscara reserva, para realizar a troca a cada duas horas, e lembrar sempre de guardar a máscara usada em um saco até chegar em casa e poder lavá-la com água e sabão. 

“Na fase laranja, os alagoanos deverão manter o uso de máscaras de tecido, duplamente faceadas, para evitar a propagação de gotículas do nariz e da boca. Lembrando que o uso da máscara deve ser correto, com elásticos ou tiras que amarram de maneira paralela, dispostos no pavilhão auricular, e ela deve estar acima do nariz e abaixo do queixo. Dessa forma, a máscara vai conter toda a secreção respiratória da via aérea”, explica a infectologista. 

       2.  Respeitar o distanciamento de, pelo menos, 2 metros de distância, assim como evitar abraços e aglomerações.

“É necessário manter, ao máximo, o distanciamento. Com a reabertura de alguns segmentos do comércio é necessário que exista a marcação de distanciamento entre as pessoas. Caso o cidadão chegue a um estabelecimento que não tenha essa marca em assentos ou bancos, ele mesmo deve procurar manter o distanciamento, de aproximadamente 2 metros, que já vem sendo referenciado ao longo dos últimos três meses", alerta Dominique

      3.  Ter em mãos um frasco com álcool em gel 70%

“Deveremos sempre ter na bolsa, no bolso ou na mochila, um frasco de álcool em gel para higienizar as mãos, porque com a reabertura do comércio vamos ter, com certeza e com maior frequência, contato com áreas de toque comum e o coronavírus pode ser levado até a face, cabelo, vestimentas”, orienta a especialista.