Maceió

Prefeitura alerta sobre ação de falso fiscal de obras em Maceió

Denúncias revelam que golpista vem agindo em nome da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial

Secom Maceió | 25/08/21 - 15h19 - Atualizado em 25/08/21 - 15h25
Secom Maceió

A Prefeitura de Maceió informa que um homem, ainda não identificado, vem agindo em diversos bairros da cidade disfarçado de funcionário da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente (Sedet) para aplicar golpes em responsáveis por obras supostamente irregulares.

De acordo com as denúncias, durante as abordagens o golpista se identifica como fiscal de obras da Prefeitura e solicita a apresentação do alvará de construção para conferir se a obra está regularizada, seguindo o mesmo procedimento adotado pelos agentes públicos de fiscalização.

Se a obra estiver irregular, o argumento utilizado pelo criminoso é que a situação pode ser resolvida sem burocracia, com o pagamento de uma taxa para liberação do alvará. O resultado é que várias pessoas têm comparecido à sede da Secretaria para receber o documento e se dão conta que foram enganadas.

O engenheiro fiscal de Obras da Secretaria, Galvaci de Assis, explica que uma obra só é considerada legal quando possui o alvará de construção.

“É importante frisar que os fiscais da Prefeitura não exigem dinheiro em suas atividades externas. Quem pagar vai perder o valor e ainda terá a obra embargada ou até mesmo judicializada. Então, é preciso que o responsável exija a identificação do fiscal e busque a Secretaria para regularizar a obra”, reforça o engenheiro.

O caso já foi denunciado às Delegacias do 1º e 2º Distrito Policial da capital e todas as providências já estão sendo tomadas no sentido de descobrir o envolvido nas ações criminosas.

Em caso de dúvida, a população pode ligar para a Diretoria de Fiscalização de Obras da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial, por meio dos números 82 3312 5203 ou 3312 5233, de segunda a sexta-feira, das 9h às 14h, para obter informações a respeito da veracidade da fiscalização.