Maceió

Prefeitura concede licença ambiental para atividades da Braskem por mais 2 anos no Pinheiro

TNH1 | 09/04/21 - 11h25 - Atualizado em 09/04/21 - 12h52
Foto: Secom Maceió

Foi publicado no Diário Oficial do Município, nesta sexta-feira, 09, a concessão de autorização ambiental de implantação para a Braskem no bairro do Pinheiro, bairro afetado, justamente, pela instabilidade do solo devido ao trabalho de extração de sal-gema.

Segundo a determinação da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente de Maceió (Sedet) a implantação tem o prazo de validade de dois anos. O locais determinado foi a Rua Professor Mário Marroquim, no Pinheiro.

Ouvida pelo TNH1, a Braskem nega a se tratar de extração, e que vai se pronunciar mais detalhadamente ainda nesta sexta-feira, por meio de nota.  

Apesar do Diário ser claro ao informar que a licença é "para a atividade principal: Extração de Salgema", a Prefeitura garante tratar-se de "licenciamento de dois canteiros administrativos". O comunicado destaca também que a prefeitura não autoriza nenhuma atividade de extração de sal-gema. Leia na íntegra. 

"A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Territorial e Meio Ambiente de Maceió informa que a autorização concedida à Braskem trata-se do licenciamento de dois canteiros administrativos, referente à instalação de uma empresa que vai promover a demolição de residências e construções nos bairros Pinheiro e Bebedouro. A Secretaria esclarece que a Prefeitura de Maceió não está licenciando nenhuma atividade de extração de sal-gema."