Maceió

Prefeitura notifica Sesau sobre falta de imunizantes, mas secretário rebate: 'amanhã tem vacinação, sim!'

TNH1 | 22/04/21 - 07h43 - Atualizado em 22/04/21 - 10h46

Em texto publicado na noite de ontem em seu portal na internet, a Prefeitura de Maceió informou que vai notificar a Secretaria de Estado da Saúde pelo não envio da 2ª dose de CoronaVac, que deveria começar a ser aplicada na população hoje, quinta-feira, 22.  "A Prefeitura de Maceió está cobrando da Secretaria de Estado da Saúde transparência e planejamento para garantir a previsibilidade para a execução do Plano Municipal de Imunização contra a Covid-19. A Prefeitura lembra que o município é responsável pela aplicação da vacina, mas é o Estado o guardião das doses enviadas pelo Governo Federal e informa que está notificando a Secretaria de Estado da Saúde para que as doses sejam enviadas de imediato", diz um trecho da nota.

Porém, ainda na noite dessa quarta, o próprio secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, publicou texto em seu perfil no Instagram com um incisivo "Amanhã tem vacinação, sim!", garantindo que os idosos devem receber a segunda dose do imunizante, como previsto, a partir desta quinta-feira, 22. 

"Boa Noite! Acabei de receber uma ligação do governador Renan Filho sobre a nota da prefeitura dae Maceió que suspende a aplicação da segunda dose de CoronaVac pelo atraso no envio de doses do Ministério da Saúde. Recebi orientação para que buscássemos uma solução conjunta que garantisse as doses para nossos idosos e conseguimos!!! A nossa prioridade é a saúde da nossa gente e amanhã tem vacinação, sim!" diz o texto do secretário, que chegou a responder um internauta no perfil da prefeitura na mesma rede social, ponderando que "a prefeitura agiu corretamente... mas nos colocamos à disposição para buscar uma solução conjunta".

Reprodução: Instagram

26 mil doses

Ainda na nota, a Prefeitura explica que informalmente, o estado teria informado que enviaria apenas 1.500 doses, número bem aquém das 26 mil necessárias. 

"Após comunicado oficial da Secretaria Municipal de Saúde informando que até o momento não recebeu a remessa das segundas doses das vacinas que devem ser aplicadas nesta quinta-feira (22), a Prefeitura foi surpreendida pela manifestação do secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres dando conta de que o governo tem vacinas em estoque.

O município de Maceió precisa de um total de 26.000 doses para aplicar a 2ª dose da vacina CoronaVac, mas foi informado pelo secretário Alexandre Ayres, em comunicado informal ao secretário municipal de Saúde, Pedro Madeiro, do envio de apenas 1.500 doses", diz o texto da Secretaria Municipal de Comunicação.