Polícia

Professor confessa assédio contra estudantes de 11 e 13 anos e culpa bebida; assista à entrevista

TNH1 com TV Pajuçara | 06/04/21 - 09h23 - Atualizado em 06/04/21 - 09h48
Reprodução/TV Pajuçara

O professor de 32 anos, suspeito de assediar duas estudantes de 11 e 13 anos, prestou depoimento à polícia, na tarde dessa segunda-feira (05).

Ele foi ouvido na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente, no bairro da Jatiúca, em Maceió. O interrogatório durou cerca de uma hora.

De acordo com a polícia, em depoimento, o professor confessou ter assediado as meninas e disse estar arrependido, além de ter problemas com álcool.

"As provas são contundentes, são claras. Não tem o que se discutir", informou o chefe de serviço da delegacia, Alan Barbosa.

O primeiro caso de suposto assédio foi revelado no dia 23 de março, quando o professor trocou mensagens com uma estudante de 11 anos após uma aula online. Dias depois, outra aluna de 13 anos também denunciou o professor.

Em entrevista à TV Pajuçara / Record TV, o professor se disse arrependido e contou em detalhes como se deu o contato com as alunas. Veja:

O inquérito será finalizado nos próximos dias e o professor será indiciado conforme o estatuto, segundo a polícia.