Maceió

Professores aprovados em concurso do estado cobram nomeação em protesto no Farol

TNH1 com Rádio Pajuçara FM Maceió | 20/08/20 - 11h12 - Atualizado em 20/08/20 - 12h15
Hélio Góes/Pajuçara FM Maceió

Professores aprovados no concurso público da Secretaria Municipal da Educação (Semed), realizado em 2017, fizeram um protesto na Avenida Fernandes Lima, nas proximidades do Cepa, no bairro Farol, na manhã desta quinta-feira, 20. Eles cobraram a nomeação dos mais de 1.500 aprovados no certame.

Em entrevista ao repórter Hélio Góes, da Rádio Pajuçara FM Maceió, um dos professores, identificado como Aldemir, afirmou que o quadro funcional do município apresenta carências e que é preciso uma celeridade nas nomeações para suprir as "faltas".

"Estamos realizando uma manifestação justa, pacífica, legal. Nós somos autônomos, fomos aprovados no concurso em 2017 e desde então nada aconteceu. Foi prometido a divulgação das carências de professores, algumas escolas não estão com a quantidade de professores adequada e a prefeitura tem que deslocar as crianças para outras unidades", reclamou.

Ainda segundo ele, os manifestantes também pedem melhores condições na rede de ensino. "Nós reivindicamos a nossa convocação e também o direito de todos a terem educação, queremos uma oportunidade para o ensino para as crianças e adolescentes", completou.

Dezenas de professores usaram faixas e cartazes para chamar a atenção do órgão e da população que passava pelo local. Eles ficaram na entrada do Cepa e depois percorreram a passarela. 

Por meio de nota, a Semed informou que 742 pessoas já foram nomeadas, sendo 300 este ano. A secretaria também destacou que segue acompanhando a situação do setor funcional da rede de ensino e, após os levantamentos, deve identificar as necessidades.

Leia a nota na íntegra:

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) informa que o concurso realizado em 2017 para provimento de 504 vagas tem validade até agosto de 2021. Até o momento, já foram nomeados 742 novos concursados, 300 em fevereiro deste ano. O concurso ofertou vagas em diversas áreas - Educação Infantil, professores de 1º ao 5º anos, professores de disciplina, professores de libras, assistente social, secretário escolar, contador, técnicos administrativos e merendeiros.

Sobre a carência funcional da Rede Municipal de Ensino, a Semed informa que está mapeando os afastamentos por idade e comorbidades relacionadas à prevenção da Covid-19, com base nas autodeclarações sobre condições de saúde e idade. Esse levantamento busca saber quem poderá retornar ao trabalho de forma presencial e quem ficará no sistema de teletrabalho por determinação médica.

A Semed ressalta que só após a conclusão do levantamento será possível verificar a necessidade real da rede municipal.