Polícia

Sede do comando da PM de Alagoas deve se mudar para Serraria em Março

Erik Maia | 22/01/19 - 11h34 - Atualizado em 22/01/19 - 13h48
Prédio centenário da PM estaria ameaçado de desabamento | Reprodução Google

O Comando Geral da Polícia Militar deve desocupar o centenário prédio do Quartel Geral, no Centro de Maceió, nos próximos meses. A informação foi confirmada pela assessoria da corporação na manhã dessa terça-feira (22).

Segundo reportagem do portal G1 Alagoas, o prédio do quartel corre risco de desabamento, informação que constaria em um relatório da Defesa Civil Estadual. Apesar da existência do laudo, confirmada pela Defesa Civil, o Comando Geral não comenta o teor do documento e nem confirma se o prédio está ou não ameaçado.

O TNH1 também procurou a Defesa Civil, mas o coordenador, tenente-coronel Moisés Pereira, disse que o laudo já foi encaminhado para PM e por isso ele não pode divulgar o documento para a imprensa.

Comando vai para a Serraria

Por meio de nota, a assessoria da PM informa que o prédio que receberá o Comando Geral está passando por adequações. Com a mudança de endereço, o imóvel histórico da PM passará por reforma estrutural, para proporcionar “uma melhoria nas condições de trabalho dos profissionais e dos serviços à população”.

O novo prédio fica no bairro da Serraria, na parte alta de Maceió, e pertencia a uma faculdade particular que funcionou na Avenida Menino Marcelo. Em junho do ano passado, o governador Renan Filho, despachou um processo onde autorizou a contratação direta, com dispensa de licitação para a locação.

Processo antigo

A assessoria informou ainda que o processo de reforma do prédio é antigo, de 2015, quando o comandante geral da PM, Marcos Sampaio, fez o pedido de liberação de verba.

Em março daquele ano, uma equipe da Diretoria de Apoio Logístico da Polícia Militar, divulgou que o prédio havia acabado de passar por uma reforma no período entre março de 2014 e janeiro de 2015, “com o objetivo de reestruturar prédios e realizar benfeitorias nas estruturas físicas da corporação”.

Na oportunidade, o diretor do Centro de Suprimento e Manutenção de Obras (CSM/O), major Marcelo Souza, informou que a obra era uma primeira etapa da reestruturação, e que teria continuidade. “Realizamos a primeira fase, composta pela pintura da fachada externa e do palanque do QCG; pintura do slogan da corporação na área interna e recuperação da coberta, pintura da fachada externa e reforma geral do primeiro piso do CPC”, informou o major.

Em agosto de 2016, a Polícia Militar cogitou a transferência do comando geral para o prédio de um colégio particular, no Centro de Maceió.

O TNH1 entrou em contato com o coordenador da Defesa Civil Estadual, tenente Coronel Moisés Pereira de Melo, mas ele não respondeu nossos contatos. A reportagem também tentou falar com o comandante geral da Polícia Militar de Alagoas, coronel Marcos Sampaio, mas ele também não atendeu nossas ligações.

Já a assessoria de comunicação da Secretaria de Estado de Planejamento, Gestão e Patrimônio informou, através de nota, que a reforma do prédio é de responsabilidade da própria PM.