Polícia

Servidor público é detido ao tentar entrar em presídio com celulares

João Victor Souza | 24/08/21 - 08h59 - Atualizado em 24/08/21 - 16h10
Cortesia ao TNH1

Um servidor público foi detido por policiais penais ao tentar entrar no Presídio Baldomero Cavalcanti, no Sistema Prisional de Alagoas, com quatro celulares e dois aparelhos de pen drive a pedido de um parente de reeducando que cumpre pena na unidade. O caso foi registrado nessa segunda-feira, 23.

Segundo informações colhidas pelo TNH1, o servidor efetivado, que atua na área administrativa do prédio, alegou que foi abordado pelo familiar do presidiário na entrada do complexo e recebeu os aparelhos com o objetivo de repassá-los para reeducando que cumpre pena em um dos módulos do presídio. O nome do reeducando que receberia o material ainda é desconhecido.

O homem foi encaminhado para a Central de Flagrantes por policiais penais do Grupamento de Escolta, Remoção e Intervenção Tática (GERIT) para a realização dos procedimentos cabíveis, sendo liberado após a confecção de um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

O TNH1 entrou em contato com a Secretaria de Estado de Ressocialização e Inclusão Social (Seris) e foi informado de que um Procedimento Administrativo Disciplinar será instaurado para investigar o caso. O órgão destacou que vai ser apurado, ainda, pra quem ele entregaria o material.