Maceió

SMTT autua 32 condutores durante fiscalização para coibir estacionamento irregular

Da Redação, com assessoria | 21/08/21 - 17h03 - Atualizado em 21/08/21 - 18h07
Agentes da SMTT estiveram nos bairros de Jatiúca, Ponta Verde, Pajuçara e Farol | Ascom SMTT

Agentes de trânsito autuaram 32 condutores durante uma fiscalização realizada para coibir a prática de estacionamento em local proibido, em Maceió. O objetivo da ação, que percorreu, neste final de semana, os bairros da Jatiúca, Ponta Verde, Pajuçara e Farol, foi conscientizar sobre a importância do respeito aos espaços que são destinados ao transporte público.

As equipes da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) presenciaram dez condutores estacionados nesses espaços. A infração é considerada grave e custa R$ 130 ao infrator, além de quatro pontos na carteira e da remoção do veículo. Mesmo na ausência de sinalização que delimita o início e término da proibição de estacionamento, o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estabelece o espaço de dez metros antes e depois da placa de parada de ônibus, por exemplo.

Irregularidades no Gás Natural Veicular (GNV) também estiveram entre as infrações detectadas. “Esta operação foi pensada a partir de depoimentos e reclamações de motoristas de ônibus. Sendo assim, organizamos a ação para coibir as irregularidades e proporcionar maior fluidez nas viagens das linhas de ônibus”, destacou o superintendente da SMTT, André Costa.

Para a diretora do Sistema Integrado de Mobilidade de Maceió (SIMM), Paula Isanelle, a ação teve um papel educativo muito importante. “Buscamos chamar a atenção dos cidadãos para a importância de se colocar no lugar do outro. Muitas vezes, um estacionamento irregular atrasa o ônibus em um tempo considerável ou prejudica o acesso de um cadeirante ou pessoa com mobilidade reduzida”, disse.