Maceió

Suspeita de assassinar companheiro diz que foi acidente e pede perdão aos pais da vítima

Redação TNH1 | 05/03/20 - 16h41 - Atualizado em 05/03/20 - 17h21
Arquivo Pessoal

Após ouvir os pais de Wellington Aureliano de Lima, 28 anos, morto na véspera do Natal de 2019, com uma facada no peito, no Tabuleiro dos Martins, a TV Pajuçara exibiu nesta quinta-feira (5) a entrevista com Saniele dos Santos, 26 anos, companheira da vítima e suspeita de homicídio.

Em entrevista ao repórter Neto Mota, exibida no programa Fique Alerta, ela se emocionou ao contar a própria versão e explicar que descascava uma fruta com a faca quando se assustou com a presença do marido. 

"Minha família sempre acolheu ele muito bem. Em relação à família dele, a gente também se dava muito bem. Estou aqui para pedir perdão a eles que eu sei o sofrimento que eles estão passando. Isso foi um acidente e eu vou provar que foi um acidente sim. A gente foi passar o Natal na casa da minha avó materna, estava tudo bem, não teve briga, não teve nada. A gente foi para casa, foi quando tudo aconteceu. A gente ficou sem saber o que fazer, ficou na rua pedindo por socorro, mas ninguém ajudava a gente. Ele falava que me amava, que estava pedindo perdão e tudo, e eu sem entender nada. Até falei que por que ele estava me pedindo perdão se estava naquela situação. Eu ajudei no socorro dele, eu jamais queria perder meu marido em hipótese nenhuma", relatou Saniele.

Veja a matéria completa no vídeo abaixo.