Polícia

Suspeita de atear fogo em um morador de rua por R$ 2 é detida

Dayane Laet com assessoria | 04/08/19 - 16h09 - Atualizado em 04/08/19 - 16h19
TNH1 / TV Pajuçara / Arquivo

A suspeita de atear fogo em um morador de rua, no bairro de Jaraguá, em Maceió, por R$ 2, foi apontada por populares e detida no bairro da Pajuçara por agentes do Ronda no Bairro, nesse sábado, (3).

A patrulha chegou até a ela após denúncia feita pela esposa da vítima, que indicou o local onde a suspeita estava. A mulher, que tem 46 anos, foi encaminhada à Central de Flagrantes I, no Pinheiro, onde confessou o crime ao delegado plantonista.

A irmã do morador de rua, identificado como Edinelson Henrique dos Santos, de 36 anos, foi queimado na madrugada do dia 29 e prestou depoimento à polícia no dia seguinte. "Ele tem família, mas prefere ficar na rua devido ao vício em bebida", explicou durante entrevista à TV Pajuçara. A assessoria  do hospital informou que o estado de saúde de Edinelson é considerado grave, mas estável.

Como não houve flagrante, a autoridade policial encaminhou a ocorrência de tentativa de homicídio para ser investigada pelo 2º Distrito Policial, ja Jatiúca, onde a mulher se comprometeu a se apresentar na próxima segunda-feira (5).