Polícia

Suspeito de homicídio entra em confronto com a polícia e morre baleado

TNH1 com Ascom PC-AL | 07/04/21 - 10h14 - Atualizado em 07/04/21 - 10h29
Divulgação

Um suspeito de homicídio morreu depois de trocar tiros com a polícia nessa terça-feira, 06, em São Miguel dos Campos, a 60 quilômetros da capital alagoana. Segundo a assessoria da Polícia Civil, o homem reagiu à abordagem policial e atirou contra os agentes.

A operação deflagrada no Conjunto Hélio Jatoba III cumpria um mandado de prisão expedido pela Justiça contra o suspeito. Ele teria cometido o homicídio e fugido em março deste ano, tendo retornado ao município há pouco tempo.

Os policiais precisaram entrar na residência do suspeito e, este, desobedecendo ao comando de se deitar ao chão, correu em direção à geladeira da cozinha, onde em cima havia um revólver. Em seguida, ele pegou a arma e atirou duas vezes contra os policiais.

“Os agentes revidaram de forma proporcional e progressiva, sendo o homem atingido por dois disparos. Foi socorrido pelos policiais até à UPA da cidade, onde faleceu”, disse o delegado regional João Marcelo, que coordenou a ação.

O suspeito já havia sido preso por roubo, tráfico, furto e receptação. Inclusive, tinha sido condenado e estava cumprindo pena em regime semi-aberto.

Homicídio

O homem foi apontado como o autor do homicídio que vitimou José Rafael dos Santos, conhecido como “Tata”, ocorrido no dia 9 de março deste ano, na localidade “Favelinha”, no Conjunto Hélio Jatobá III.

As investigações mostraram que o crime teria sido motivado por uma disputa pelo controle do tráfico de drogas na região.