Educação

Ufal decide não voltar às aulas presenciais; saiba a situação nas outras instituições de ensino

Eberth Lins com Redação | 22/10/20 - 16h31 - Atualizado em 22/10/20 - 16h53
Foto: Agência Brasil

Embora autorizada pelo governador Renan Filho (MDB), a retomada de aulas presenciais para adultos não vai acontecer para todas as instituições de ensino na próxima segunda-feira (26). Isso porque ainda não há um consenso entre os estabelecimentos sobre a retomada ainda este ano.  

Conforme anúncio do governador, podem retornar, a partir da segunda-feira (26), aulas presenciais para adultos em todos os segmentos, incluindo cursos superiores, de línguas e profissionalizantes. O protocolo com as orientações sanitárias para o retorno das aulas, segundo apurou a reportagem, será publicado pela Secretaria de Estado da Educação (Seduc) no Diário Oficial do Estado (DOE) da segunda-feira.

Ufal

A Universidade Federal de Alagoas (Ufal), maior instituição de ensino de Alagoas, por exemplo, disse que não tem previsão de retorno das aulas presenciais, e que vai depender de determinações do Ministério da Educação (MEC).

Conforme portaria do MEC, que autoriza aulas remotas até dezembro de 2021, a Ufal vai manter o Período Letivo Excepcional (PLE), somente com aulas remotas, até janeiro de 2021. "A Ufal está com o PLE já iniciado até janeiro de 2021, quando vai avaliar os próximos passos", informou a instituição ao TNH1.

Por outro lado, outras instituições de ensino, públicas e privadas, ainda aguardam a publicação do protocolo estadual com orientações sanitárias para nortear a retomada e tomar as decisões.

Escolas Públicas de Maceió: aulas só em 2021

Pela manhã, a Secretaria de Educação emitiu nota informando que os órgãos municipais estariam elaborando o protocolo com as normas de funcionamento das escolas. Mas, em entrevista exclusiva ao Blog do Ricardo Mota, a secretária Ana Dayse Dórea informou que as aulas na rede municipal só retornam no ano que vem. Ela lamentou o encerramento do ano letivo com as escolas fechadas. Leia aqui matéria na íntegra.

Escolas Privadas

Segundo o Sindicato das Escolas Particulares de Alagoas (Sinepe/AL), as instituições, os estabelecimentos privados de educação já estão preparados para o retorno, assim que for autorizada a volta presencial das aulas para crianças e adolescentes. “Todas as escolas estão preparadas e têm definidas as medidas de segurança, aguardando somente o retorno. O setor está agonizando e precisa urgentemente voltar, inclusive porque estamos próximos do período de matrículas para 2021”, disse  a professora Barbara Heliodora, presidente do Sindicato. 

Escolas do Interior

Aos municípios do interior, o governador deixou a critério de cada prefeitura a decisão sobre a retomada das aulas. “Facultaremos aos municípios, também, participarem dessa liberação. Aquele prefeito que achar que não deve voltar com a educação para adultos neste momento pode entrar em contato com o Governo do Estado, porque nós vamos observar a situação específica. Nós, do Governo, não verificamos essa necessidade de não avançarmos em todas as cidades, mas se houver algum problema específico, vamos avaliá-lo”, declarou o governador Renan Filho, em transmissão ao vivo na quarta-feira (21).

Faculdades Privadas

O TNH1 entrou em contato com Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino do Estado de Alagoas (Sinepe/Superior), entidade responsável pelas instituições, para saber se as unidades estão seguras para o retorno, mas a reportagem foi informada de que a entidade só vai se pronunciar após a publicação do protocolo sanitário.