Maceió

Veleiro não vai a mais uma audiência na Justiça; trabalhadores estariam sem receber há 4 meses

Assessoria TRT AL | 14/08/20 - 18h40 - Atualizado em 14/08/20 - 18h53
Arquivo

Na manhã desta sexta-feira (14), a presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região (TRT/AL), desembargadora Anne Inojosa, conduziu audiência de tentativa de conciliação em Pedido de Mediação Pré-Processual (PMPP) requerido pelo Sindicato dos Trabalhadores em Empresas de Transportes Rodoviários de Alagoas (Sinttro/AL) contra a empresa Veleiro Transportes e Turismo LTDA. O objetivo da audiência – a segunda realizada em uma semana – era propor soluções para assegurar os direitos dos trabalhadores. Os representantes da empresa mais uma vez não compareceram à audiência, realizada de forma telepresencial.

De acordo com o Sinttro, os trabalhadores estão sem receber salários há quatros meses e a Veleiro não vem recolhendo os depósitos do FGTS e nem as contribuições previdenciárias. Como os representantes da empresa e seu advogado não estiveram presentes à sessão telepresencial, uma nova audiência foi marcada para as 14h da próxima terça-feira (18.08).

Participaram da audiência a procuradora do Ministério Público do Trabalho da 19ª Região, Virgínia Gonçalves Ferreira; o presidente, o secretário e o advogado do Sinttro, Hernane José dos Santos, Ecio Luiz Marques e Ricardo Coelho, respectivamente; o promotor da 2ª Promotoria de Rio Largo, Magno Alexandre Moura; o procurador do Estado de Alagoas, José Alexandre Lemos; a promotora do Ministério Público Estadual, Fernanda Moreira; a diretora da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Alagoas (ARSAL), Camila da Silva Ferraz, e o diretor jurídico da referida Agência, Carlos Humberto Lima Júnior.

Também estiveram presentes, representando a SMTT, o superintendente Antonio Moura, a diretora do Sistema Integrado de Mobilidade de Maceió, Paula Isanelle de Araújo; e o diretor de permissões, Charles Alves Silva, além do diretor-presidente da  Agência Municipal de Regulação de Serviços Delegado (ARSER), Rodrigo Borges Fontan. Eles se comprometeram durante a audiência de hoje a se reunirem previamente na próxima segunda-feira para discutir uma proposta de solução a ser apresentada pelo município de Maceió na próxima na audiência.