Polícia

Vítima denuncia golpe em compra de colchão e aquisição de empréstimos

Redação TNH1 | 07/01/21 - 15h31 - Atualizado em 07/01/21 - 16h07
Ascom PC/AL

Uma família foi vítima de um golpe, no último mês de dezembro, na cidade de Palmeira dos Índios, na região Agreste de Alagoas.

Em entrevista ao TNH1, o radialista Kall Mello informou que o caso ocorreu com o seu pai, que foi atraído por uma suposta vendedora de colchões magnéticos.

O filho da vítima informou à reportagem que após falar sobre o produto, a vendedora vendeu o colchão por R$ 5.500 reais. Após ter conquistado a confiança do consumidor, a suspeita ofereceu um empréstimo de R$ 10 mil.

"Meu pai foi procurado por uma mulher que vendeu colchão por R$ 5.500 e também ofereceram um empréstimo ao meu pai. No início, disse que ele receberia 10 mil e depois, que tiraria 8 mil, sendo descontada as taxas do empréstimo e do colchão. Eu entrei em contato com ela e solicitei documentos para saber mais detalhes, mas ela sempre me enrolou", disse o radialista.

Kall informou ainda que a empresa onde a suposta vendedora trabalha não tem loja física na cidade de Palmeira dos Índios, o que o deixou ainda mais desconfiado sobre a idoneidade da suspeita. Ele revelou também que insistiu para que o colchão não fosse entregue e que o empréstimo fosse cancelado.

"Eu pedi para cancelar a compra do colchão e o empréstimo, ela informou que não poderia realizar isso. No dia seguinte, entregaram o colchão, mesmo sem meu pai querer. Ela sumiu durante dois dias, não me dando respostas e depois prometeu entregar documentos no meu trabalho. Quando analisei, vi diversas irregularidades, como por exemplo, ela ter feito dois empréstimos e não um, como disse anteriormente. Sem contar que o pagamento do empréstimo seria de 84 parcelas de 200 reais. Eu contestei e resolvi procurar a polícia", prosseguiu.

A reportagem do TNH1 tentou entrar em contato com a Delegacia Regional de Polícia, de Palmeira dos Índios, mas não obteve êxito.