Polícia

Alagoanos envolvidos em assalto a bancos no CE explodiram agências no Sertão de AL, diz polícia

TNH1 com Deic | 10/12/18 - 07h39 - Atualizado em 10/12/18 - 08h07
Assalto terminou com 6 reféns e 8 suspeitos mortos | TNH1 / Arquivo

Os criminosos envolvidos na tentativa de assalto a banco que terminou com a morte de 14 pessoas na cidade de Milagres (CE), também são suspeitos de assaltar agências bancárias em Alagoas, segundo o Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic).

De acordo com o coordenador da Deic, delegado Fábio Costa, eles foram responsáveis pela explosão das agências do Banco do Brasil, Bradesco e uma lotérica no município de Pão de Açúcar, no Sertão alagoano. “A Deic estava investigando a participação de Delmirenses na explosão de agências bancárias em Alagoas e em outros diversos estados do Nordeste. Eles também são suspeitos de metralhar o Centro Integrado da Segurança Pública (CISP) de Pão de Açúcar”, disse.

Segundo o delegado, a integração entre as polícias civis de Alagoas (Deic), Sergipe (Cope) e Bahia (Draco) repassou informações à polícia cearence sobre uma provável ação de assalto a banco no município de Milagres. “O trabalho integrado entre as polícias civis dos estados vizinhos tem trazido grandes resultados na repressão a esse tipo de crime”, frisou.

A Delegacia Regional de Delmiro Gouveia e o 9º Batalhão da Polícia Militar também contribuíram com as investigações.

Redução 

Ele lembra que as explosões a agências bancárias em Alagoas reduziram drasticamente e há mais de três meses não há registro desse delito no estado. “A seção especializada de roubo a banco, comandada pelo delegado Cayo Rodrigues, vem fazendo um grande trabalho de repressão a esse tipo de delito, desestimulando ataques em Alagoas”, afirmou Fábio Costa.