Futebol Nacional

Botafogo age rápido e oficializa técnico Zé Ricardo

04/08/18 - 15h37 - Atualizado em 04/08/18 - 15h39
Reprodução

Zé Ricardo é o novo técnico do Botafogo. Dois dias depois de demitir Marcos Paquetá, que não resistiu à quarta derrota em cinco jogos em que comandou o time, a diretoria concluiu a negociação com o ex-treinador de Flamengo e Vasco neste sábado (4).

O técnico já agradava ao Botafogo há algum tempo. Ele já era o nome preferido para assumir o time após a saída repentina de Alberto Valentim, que foi para o futebol do Egito. No entanto, na oportunidade, Zé Ricardo recusou o time alvinegro por vir de trabalhos seguidos em Flamengo e Vasco -havia o medo de ficar conhecido por treinar apenas clubes cariocas.

Bem verdade que ele não assumiu nenhum outro clube desde então, o que não muda o quadro de quando havia recusado o Botafogo. Porém, existe um forte relacionamento entre Zé Ricardo e o gerente de futebol botafoguense, Anderson Barros. O dirigente foi quem conseguiu convencer o amigo.

Para a partida deste sábado (4), contra o Santos, no Nilton Santos, o Botafogo será comandado pelo auxiliar técnico Bruno Lazaroni. Pelo pouco tempo entre a demissão de Paquetá e o duelo pelo Brasileiro, a diretoria já sabia que terá que utilizar o membro da comissão técnica fixa do clube.

A confiança em ter Zé Ricardo era tão grande que nenhum outro nome chegou a ser especulado. Evidentemente, existia uma lista com profissionais que teriam perfil que interessam ao clube. Porém, o ex-treinador de Vasco e Flamengo sempre foi o favorito.