Interior

Cinco ficam feridos após carro bater em árvore, na BR-104; criança é uma das vítimas

TNH1 | 03/01/22 - 09h22 - Atualizado em 03/01/22 - 10h24

Cinco pessoas ficaram feridas após o carro que estavam bater em uma árvore no quilômetro 84,5 da BR-104, na zona rural do município de Rio Largo, região metropolitana da capital alagoana, na noite desse domingo, 02. Uma criança de seis anos foi uma das vítimas. 

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), que enviou uma equipe ao trecho da batida, o veículo estava com cinco ocupantes e um deles teria saído ileso. Porém, o Corpo de Bombeiros confirmou que fez o resgate de duas pessoas, enquanto o Samu trabalhou no atendimento e no transporte a hospital das outras três.

Os bombeiros receberam o chamado para o salvamento por volta de 20h de ontem e duas vítimas foram levadas ao Hospital Geral do Estado, em Maceió. Um jovem de 27 anos apresentou laceração e escoriações no braço esquerdo, e teve um leve trauma de crânio encefálico. Já uma mulher de 51 anos teve fratura no tornozelo esquerdo. Os nomes deles não foram informados.

Os outros dois feridos receberam os primeiros socorros do Samu e também foram encaminhados ao hospital. José Cícero, de 52 anos, estava com a perna direita fraturada, e Fernanda Iasmin, de 18, estava com lesão no ombro esquerdo. A criança apresentou um corte e alegou dor de cabeça. Até o momento, a reportagem não teve acesso ao quadro clínico atualizado das vítimas.

Nota do Samu - "O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Alagoas foi acionado, na noite do último domingo (2), para atender uma ocorrência de colisão carro x árvore na BR 104, próximo do viaduto de Rio Largo.

Entre as três vítimas, um homem de 52 anos identificado como José Cícero dos Santos, foi socorrido por uma Unidade de Suporte Avançado (USA) do Samu Alagoas e encaminhado com fratura perna direita para o Hospital Geral do Estado (HGE).

Outra vítima, uma mulher de 18 anos identificada como Fernanda Iasmin Lúcia dos Santos foi socorrida por uma Unidade de Suporte Básico (USB) do Samu Alagoas e encaminhada com deformidade no ombro esquerdo para o HGE. Junto com ela, uma criança de seis anos do sexo feminino identificada pelas iniciais J. G. N. S. também foi encaminhada para o HGE relatando dor de cabeça e corte na região frontal."