Tecnologia

Como saber se um celular é pirata

25/07/18 - 17h13 - Atualizado em 25/07/18 - 17h19
Arte Olhar Digital


A Agência Nacional de Telecomunicações tem feito uma caça aos celulares piratas no Brasil. Até maio deste ano, a Anatel bloqueou ao menos 37 mil aparelhos nos estados onde a medida entrou em vigor, o que deixou muitos usuários com dúvidas sobre a procedência de seus telefones. Felizmente, há algumas maneiras bem fáceis de saber se um telefone é pirata ou original.

Para te ajudar a tirar essa dúvida, o Olhar Digital separou cinco dicas checar a procedência de um aparelho. A lista envolve passos que podem ser feitos no próprio celular ou na sua caixa, bem como através de aplicativos e do portal da Anatel. Veja como conferir:

Checando o IMEI

Uma das informações principais a serem verificadas com muita rigorosidade pela Anatel é o IMEI, que funciona como uma espécie de número de identificação do aparelho. Para você fazer a verificação dele existem algumas alternativas. A primeira é bem simples. Veja:



1. Procure na caixa do aparelho uma etiqueta que contenha o número do IMEI;


2. Já no Android, na tela de discagem de número, digite: *#06#. Veja se o número é o mesmo.


2. Clique em “Status”, acesse a opção “Informação IMEI” e você verá o seu número.


ReproduçãoAgora que você já tem o número do IMEI, para confirmar que ele é original será necessário acessar um site. Confira como prosseguir:


1. Acesse este link da Anatel;


2. Clique em “Consultar aqui a situação do seu aparelho celular”;


Reprodução3. Digite então o número do IMEI, o código que aparece e clique em “Consultar”;


Reprodução4. Você verá todas as informações sobre o IMEI consultado.


Download mode

Todos os aparelhos Android possuem alguns truques que podem ser feitos na hora de iniciar o sistema. Ao entrar no “Download mode”, é possível verificar as informações reais do aparelho, tais como o número de série, modelo, marca e outros. Veja as opções para entrar neste modo:

• Com o celular desligado, segure os dois botões de volume e conecte a USB de um computador;

• Segure os dois botões de volume e pressione o botão para ligar o aparelho. Ao ver o ícone de uma bateria na tela, solte apenas o botão “Power”.

Depois de entrar nesta tela, anote todas as informações que ver e compare com os dados originais que o fabricante fornece.

Compare as especificações com as oficiais

Um detalhe em que muitas réplicas de aparelhos pecam é nas diferenças do hardware em relação ao original. Na página dos aparelhos em sites dos fabricantes, existe a opção de especificações técnicas. Com ela em mãos, siga estes passos no seu celular:

1. Baixe o aplicativo CPU-Z pela Google Play;

2. Navegue pelas guias do programa para comparar as especificações.