Alagoas

Defensoria Pública solicita que reforcem sinalização do VLT

05/03/18 - 14h41 - Atualizado em 05/03/18 - 14h47
Assessoria

A Defensoria Pública do Estado enviou, nesta terça-feira, 05, uma recomendação à Prefeitura de Maceió, Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito e a Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), solicitando que as instituições reforcem a sinalização na área da linha férrea e implantem grades e cancelas eletrônicas nos cruzamentos, com a finalidade de promover mais segurança aos passageiros do Veiculo Leve sobre Trilhos (VLT), veículos automotivos e a população da região.

Na manhã de hoje, um trágico acidente envolvendo um veículo de passeio deixou duas vítimas fatais e dois feridos. O acidente foi o terceiro registrado no mesmo trecho da via em poucos meses.

Para o defensor público do Núcleo de Direitos Coletivos e Humanos, Carlos Eduardo de Paula Monteiro, a estrutura atual existente na ferrovia que corta o Município de Maceió é insuficiente para garantir a segurança das pessoas que são obrigadas a cruzá-la diariamente.

A recomendação estipula prazo de 20 dias para as entidades públicas se manifestarem apresentando diagnóstico sobre a segurança nos cruzamentos do trecho da linha férrea que passa pelo Município de Maceió e relatório circunstanciado de todas as medidas adotadas para o cumprimento da recomendação.

Nota da CBTU

Ainda pela manhã CBTU emitiu nota sobre o acidente: A CBTU informa, que em consequência do trágico acidente ocorrido na manhã de hoje, as viagens entre a Estação Central e Jaraguá, somente serão retomadas após a liberação do local pelo Corpo de Bombeiros e a devida inspeção dos trilhos, para saber se não ocorreram danos na malha ferroviária.

 Sobre o acidente, a CBTU está iniciando procedimentos para conhecer as causas, embora já se tenha informações de que o veículo teria feito uma conversão inapropriada, o que está sendo devidamente apurado.