Futebol Internacional

Ex-jogador do Flamengo, Gerson estaria vivendo crise de relacionamento na França, afirma jornal

O Dia | 28/09/21 - 16h16 - Atualizado em 28/09/21 - 16h20
Alexandre Vidal / Flamengo

No Brasil, meia Gerson, de 24 anos, é considerado quase uma unanimidade. Um dos principais destaques do Flamengo multicampeão de 2019, o jogador voltou ao futebol europeu neste ano, vendido ao Olympique de Marselha. Porém, de acordo com o jornal francês "L’Équipe", o brasileiro não vem sendo bem visto no seu novo clube e está passando por uma crise relacionamento com seus companheiros.

Segundo a publicação, o rendimento do brasileiro vem incomodando os companheiros de equipe, que o consideram um protegido do técnico argentino Jorge Sampaoli. O grande estopim para a revolta dos atletas aconteceu neste domingo, na derrota da equipe para o Lens, por 3 a 2. No jogo, o brasileiro foi confrontado pelo volante Mattéo Guendouzi.

"Quando você vai começar a correr?", questionou Mattéo Guendouzi ao jogador brasileiro, que foram separados por Payet, autor dos dois gols do Marseille na derrota.

Gerson deixou o Flamengo pelo valor de 22 milhões de euros (R$ 137,5 milhões na cotação atual da moeda). Ele fez apenas um gol com a camisa do Olympique. Apesar da insatisfação dos seus companheiros, o brasileiro foi convocado por Tite para defender a Seleção nos próximos compromissos das Eliminatórias.