Polícia

Ex-secretário de Pilar morre no HGE após ser vítima de atentado na cidade

Redação TNH1 | 15/08/20 - 14h41 - Atualizado em 15/08/20 - 14h49
Reprodução

Morreu na madrugada deste sábado (15), no Hospital Geral do Estado, em Maceió, o ex-secretário de comunicação da cidade de Pilar, Geraldo Cavalcante, aos 67 anos. Ele foi baleado em um atentado na manhã dessa sexta-feira (14), quando chegava em um comitê eleitoral no município da região Metropolitana de Maceió.

Segundo a assessoria de comunicação do HGE, Geraldo Cavalcante da Silva entrou em óbito às 02h45 de hoje. Ele tinha passado por cirurgia depois de ser atingido por disparos de arma de fogo no crânio, ombro e tórax.

Ao TNH1, o delegado Sidney Tenório informou que a Polícia Civil aguarda a expedição do mandado de prisão temporária para prender o suspeito. 

O caso

Geral Cavalcante foi atingido por tiros de arma de fogo, quando chegava com seu veículo, Ecosport de cor vermelha, em um comitê eleitoral na cidade de Pilar. Segundo o delegado Sidney Tenório, titular do 23º Distrito Policial do Pilar e que investiga o caso, a vítima ia apenas fazer uma visita e não era candidato e nem pré-candidato. 

De acordo com o delegado, uma antiga rixa entre famílias teria sido o motivo do crime e o autor já foi identificado. O suspeito teria se aproximado da vítima de bicicleta, efetuado os disparos e depois fugido.