Polícia

Família de casal vai ao IML para tentar reconhecer corpos encontrados em cova rasa

TNH1 com TV Pajuçara | 22/02/19 - 07h39 - Atualizado em 22/02/19 - 07h46
Reprodução / Arquivo Pessoal

Familiares do casal Walter Gomes e Teresa Raquel, que está desaparecido desde o dia 7 de fevereiro, vão ao Instituto Médico Legal nesta sexta (22) para tentar fazer o reconhecimento de dois corpos encontrados em uma cova rasa, na grota no Gino, Benedito Bentes, ontem à noite.

De acordo com a Perícia Oficial, tratam-se dos corpos de um homem e de uma mulher, o que leva a polícia a acreditar que podem ser de Walter e Teresa.

Segundo informações colhidas no local pela equipe da TV Pajuçara, os corpos estavam desfigurados e as vítimas podem ter sido torturadas.

O local era de difícil acesso, por isso o resgate precisou do apoio do Bope e Corpo de Bombeiros. Além do IML, o Instituto de Criminalística esteve no local.

O desaparecimento

A família de Walter e Teresa teve as últimas notícias sobre o paradeiro deles no dia 7. Familiares chegaram a ir até a casa onde os dois moram juntos há cerca de 15 dias, no Conjunto João Sampaio, Chã da Jaqueira, e encontraram tudo revirado.

A mãe de Teresa Raquel, conversou com a TV Pajuçara no dia 12 e desabafou: "Ela ia todos os dias lá em casa. Na sexta-feira, quando ela não apareceu, eu já comecei a desconfiar. Ligava para ela e o celular desligado, o do esposo também. No sábado, a mãe dele também apareceu e falou que ele estava sumido e que não estava conseguindo entrar em contato com ele", relatou.