Cinema

Jovem de Maceió tem nudes vazados! Curta alagoano concorre em festival de Guarulhos

Gilson Monteiro | 01/08/20 - 11h01 - Atualizado em 01/08/20 - 13h45
Reprodução Youtube

Fazer cinema em Alagoas nunca foi fácil, mas alguns grupos que se aventuram têm demostrado a qualidade da produção local, a exemplo do curta "A Barca", de Nilton Resende, que participou de importantes mostras como a Tiradentes, em Minas Gerais, e ficou entre as 15 melhores fotografias brasileiras do ano no Prêmio ABC. 

Mas o primeiro passo vem quase sempre por meio de produções amadoras. E uma das mais recentes, o curta "Bem Próximo", que explora temas polêmicos e atuais, conseguiu emplacar uma indicação na 4ª edição do Guarufantástico, mostra de Curtas Fantástico de Guarulhos (SP), que por conta da pandemia do novo coronavírus acontecerá online este ano.  O curta de Carlos Henrique concorre com outros 20 filmes.

"Bem Próximo" conta a história de uma família que vive um drama muito comum nos dias de hoje “Janete descobriu que fotos íntimas da sua filha foram espalhadas pela internet e transtornada vai em busca de justiça, porém algo muito mais sombrio se revela.

O roteiro usa da ficção para mostrar dramas reais e cada vez mais comuns, como do abuso, seja físico ou psicológico, praticado por alguém que pode estar "bem próximo", como afirma o próprio título da obra. Nesse caso, o nude da garota que protagoniza a trama é apenas a "ponta do iceberg" de uma história bem mais dramática que, infelizmente, já presenciamos no noticiário.

Mesmo com uma produção modesta (trata-se de um filme amador), o curta fomenta um debate muito atual vivido por famílias no mundo inteiro. 

Dê seu like e ajude o filme de Alagoas na disputa

A escolha do curta se dá pelo número de curtidas. Então assista ao filme abaixo na íntegra e dê seu like. A votação vai até o dia 31 de agosto.

A Equipe

O curta alagoano tem no elenco Ana Paula, Nathalle Albuquerque, Julia Teles, Paulo Sarmento, Bruno Siquet, Juliana Teles, Zé Rocha, Gustavo Freitas, William Nickolay, Andreza Abreu, Lucy Almeida e Carlos Henrique. 

A realização é da Solarium, Timeline Coletivo ÁudioVisual, com a direção, roteiro e fotografia de Carlos Henrique, assistentes de Direção Jacirlene Abreu e Raphael Lessa.