Polícia

Justiça concede liberdade a jovem acusado de matar o avô durante discussão

09/02/17 - 12h44 - Atualizado em 09/02/17 - 13h48
Arquivo

A juíza Adriana Feitosa, da Vara do Ofício Único, da Comarca de Paripueira, revogou a prisão e expediu, no final da manhã desta sexta-feira (9), um alvará de soltura de Milton Omena Farias Neto, preso em flagrante no dia 27 de janeiro, após ter confessado ser o autor do golpe de faca que terminou na morte do avô dele, o delegado aposentado da Polícia Federal, Milton Omena, na casa onde avô morava em Paripueira, na Região Metropolitana de Maceió.

O réu teve o passaporte apreendido pela Justiça e deverá comparecer em juízo uma vez por mês. Contou ainda a favor do jovem o fato de ser réu primário, segundo confirmou ao TNH1 o escrivão da Vara de Paripueira, Carlos André.

A reportagem conversou com o advogado de Milton Neto, Leonardo Moraes, que está a caminho da Casa de Custódia da Polícia Civil, no bairro do Jacintinho, em Maceió, para dar cumprimento a decisão de revogação da prisão.