Polícia

Mãe é assassinada e filha fica ferida em atentado dentro do cartório, em Olivença; suspeito é o ex-namorado da filha

Bruno Soriano | 25/10/21 - 14h51 - Atualizado em 25/10/21 - 15h06
Baleada na cabeça, mãe (à dir.) não resistiu e morreu no local; filha foi socorrida a hospital de Santana do Ipanema | Reprodução/redes sociais

Um atentado registrado na manhã desta segunda-feira (25), no município de Olivença, deixou uma pessoa morta e outra ferida. De acordo com informações do 7º Batalhão de Polícia Militar, o crime foi registrado dentro de um cartório localizado na Rua Coronel Belarmino Vieira. Ex-namorado de uma das vítimas, o suspeito deixou o local tomando destino ignorado.

Segundo testemunhas, o suspeito chegou ao local numa moto – cujo modelo e placa não foram identificados – e sacou uma arma de fogo, disparando um tiro e acertando a cabeça de Damiana Roberto Correia Mélo, de 45 anos, mãe de sua ex-namorada. Ela não resistiu aos ferimentos e morreu no local da ocorrência.

Em seguida, o atirador ainda efetuou cinco disparos contra a jovem Dayrla Roberto, de 21 anos de idade. Ela foi atingida na mão, no ombro e no abdômen. Já o quinto tiro acertou, de raspão, a cabeça da vítima.

Ferida, a jovem foi socorrida ao Hospital Regional Dr. Clodolfo Rodrigues de Melo, em Santana do Ipanema. Seu estado de saúde não foi informado.

Ainda segundo informações do 7º Batalhão, Dayrla já havia procurado a polícia para formalizar denúncia contra o suspeito, que não aceitava o fim do relacionamento.

O crime chocou a cidade sertaneja. A ocorrência, inclusive, já mobiliza a cúpula da Secretaria de Segurança Pública (SSP) nas buscas pelo suspeito, identificado apenas pela alcunha de “Tripinha”.