Futebol Internacional

Messi vence bola de ouro e Alisson, prêmio de melhor goleiro do mundo

02/12/19 - 18h19 - Atualizado em 02/12/19 - 18h59

A dupla Cristiano Ronaldo e Lionel Messi voltou a deter a Bola de Ouro, organizado pela revista francesa L'Equipe, de melhor jogador da temporada após o argentino vencer a edição de 2019 do prêmio. O brasileiro Alisson ficou com Troféu Yashin, o de melhor goleiro.

Em 2018, Luka Modric quebrou o domínio de uma década de prêmios alternados entre Messi e Cristiano. O camisa 10 do Barcelona venceu seu sexto prêmio da revista francesa. Ele também ganhou, nesta temporada, o prêmio de melhor do mundo da Fifa.

Já Alisson recebeu seu terceiro prêmio individual após a conquista da Champions League com o Liverpool. Ele também ficou com o posto de melhor da posição pela Fifa e também pela Uefa, que premia apenas jogadores que atuam na Europa.

O goleiro brasileiro foi sétimo colocado do ranking geral de jogadores e, entre os arqueiros, superou o alemão Ter Stegen (do Barcelona, em segundo lugar) e o compatriota Ederson (do Manchester City, em terceiro).

Entre as mulheres, Marta concorreu à Bola de Ouro, que acabou nas mãos de Megan Rapinoe, dos Estados Unidos. Rapinoe é uma das estrelas da seleção que venceu a Copa do Mundo de 2019, na França. Militante ativa, a atacante também é conhecida por sua luta pela igualdade de gênero no esporte.

O Trofeu Kopa, dado à revelação da temporada, ficou com Matthijs de Ligt, defensor que, com 19 anos, foi capitão da jovem equipe do Ajax que chegou às semifinais da Champions League e por pouco não se classificou para a final.

"