Alagoas

MPE recebe pedido de redução do valor e veto de reajuste de passagens de ônibus

10/01/19 - 12h29 - Atualizado em 10/01/19 - 12h57
Arquivo

Uma comissão, formada por usuários, protocolou junto ao Ministério Público do Estado, na manhã desta quinta-feira (10), um ofício onde pede a intervenção do órgão para conseguir judicialmente a proibição do aumento do preço das passagens de ônibus urbanos da capital, além de pedir também a redução do preço cobrado atualmente, R$ 3,64, para R$ 3,15.

Em dezembro do ano passado, o Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Passageiros (Sinturb) protocolou pedido de reajuste de 13,7% do valor da passagem, junto à Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT).

O grupo, que afirma representar 44 categorias em Maceió, conversou com o promotor Max Martins, da Promotoria de Defesa do Consumidor, após protocolar o documento. Por telefone, o promotor afirmou que recebeu o grupo, mas que ainda não recebeu o ofício.

“Eles [os usuários] querem a proibição do aumento dos preços das passagens de ônibus urbanos e a redução da tarifa atual, conforme me disseram em uma conversa que tivemos hoje pela manhã”, explicou o promotor ao TNH1.

O promotor concluiu explicando que o Ministério Público Estadual está acompanhando de perto a questão sobre o reajuste dos preços das passagens. Ele explicou que a há um pedido de reajuste das proposições da licitação junto à Justiça e que o Ministério Público de Contas também está acompanhando o caso.