Educação

Pais de alunos denunciam abandono de escola estadual no Benedito Bentes; vídeos

Redação TNH1 | 06/05/22 - 18h01 - Atualizado em 06/05/22 - 19h05

Mães e pais de alunos denunciaram, nesta sexta-feira, 6, a conselheiros tutelares da 10ª Região o estado de abandono e destruição da Escola Estadual Pastor José Tavares de Souza, localizada no Benedito Bentes, parte alta de Maceió. Além da estrutura da unidade de ensino depredada, eles reclamam da falta de segurança para alunos e professores, além da violência no entorno da escola.

Por meio de vídeos enviados à redação da TV Pajuçara, é possível ver um buraco no muro que dá acesso à escola. Só esta semana, segundo a denúncia, o buraco já teria sido aberto três vezes por vândalos. Também é possível ver grades das salas de aula retorcidas e muito mato no ambiente escolar. Imagens também mostram salas e banheiros danificados.

“Recebemos a denúncia esta tarde sobre a Escola Estadual Pastor José Tavares, no Benedito Bentes, onde o conselho tutelar foi acionado por pais de alunos para verificar a situação em que se encontra a escola: totalmente depredada, sem segurança, vegetação ao redor, e segundo a denúncia dos próprios pais, negligência da diretoria da escola a respeito da situação”, disse o conselheiro tutelar João Paulo, ao afirmar que o órgão vai confeccionar um relatório e enviar à Secretaria de Estado da Educação.

Segundo o conselheiro, um veículo do Ronda no Bairro foi danificado na tarde desta sexta, após uma reunião entre os conselheiros, a direção da escola e agentes do Ronda no Bairro.

O que diz a Seduc sobre a situação

Por meio de nota, a Seduc informou que acompanha a situação da escola e que os vídeos mostram a unidade escolar apenas parcialmente, de forma proposital, justamente no trecho onde foi recentemente depredada. Ainda de acordo com a Seduc, 'grande parte da infraestrutura da escola foi reformada e renovada com recursos na ordem de 160 mil reais do programa Rumo Às Aulas, recebidos ano passado' e que escola será contemplada com mais recursos do programa este ano. Leia a nota na íntegra:

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) informa que acompanha de perto a situação da Escola Estadual Pastor José Tavares, localizado no Benedito Bentes 1, que sofre constantemente com a depredação de seu patrimônio. O muro, reaberto hoje por vândalos para ter acesso a quadra de esportes da escola, já havia sido fechado outras vezes pela gestão da unidade. 

A Seduc informa ainda que os vídeos mostram a escola apenas parcialmente, de forma proposital, justamente no trecho onde foi recentemente depredada. Grande parte da infraestrutura da escola foi reformada e renovada com recursos na ordem de 160 mil reais do programa Rumo Às Aulas, recebidos ano passado. Tanto é que a escola funciona normalmente nos três turnos do dia atendendo a mais de 900 alunos do bairro. 

A unidade escolar será contemplada novamente este ano com mais recursos do programa Rumo Às Aulas que custearão uma nova reforma que viabilizará a substituição de janelas e grades depredadas e a nova compra de utensílios para merenda escolar. Novos professores e coordenadores estão sendo empossados nesta semana, suprindo a carência de discentes na escola. Além disso,  em breve serão contratados novos vigilantes e merendeiras para atender a demanda da unidade. A Seduc também conta com o apoio das forças de segurança pública para reforçar a segurança ao patrimônio da escola e seu entorno.