Polícia

Polícia vai pedir prisão de namorado de adolescente morta com tiro na cabeça no Pilar

Eberth Lins | 24/08/20 - 10h05 - Atualizado em 24/08/20 - 10h11
Maria Viviane, de 15 anos, foi morta com um tiro na cabeça | Foto: Reprodução

A Polícia Civil deve pedir nesta segunda-feira (24) a prisão do jovem de 20 anos suspeito de matar a companheira, a adolescente Maria Viviane, de 15 anos, no município do Pilar, Região Metropolitana de Maceió, na noite de sábado (22).  De acordo com o delegado Sidney Tenório, responsável pelo caso, a linha de investigação é de crime passional. 

 "A informação que temos é de que eles discutiram e em seguida ouviram-se disparos de arma de fogo. Ele fugiu alegando para os familiares que estavam próximos do local que a adolescente tinha se matado, mas a polícia trabalha com a versão de homicídio", detalhou. 

Maria Viviane foi morta com um tiro na cabeça na casa onde morava com o suspeito do crime. "Ele está foragido desde então. Não oficialmente, já que não temos ainda o mandado contra ele, mas fizemos diligências tentando localizá-lo e sabemos que está foragido", acrescentou o delegado. 

Testemunhas do caso também serão ouvidas já nesta segunda-feira, conforme informou o delegado ao TNH1

O caso está sendo investigado pelo 23º Distrito Policial (23ºDP), no Pilar.

Adolescente morta em Messias 

Na noite desse domingo (23), mais uma adolescente morreu vítima de crime passional em Alagoas. Erika Monteiro dos Santos, de 16 anos, foi morta com golpes de arma branca no pescoço no Centro do município de Messias, também na Região Metropolitana de Maceió. 

O suspeito do crime era companheiro da adolescente e também tem 16 anos. Ele teria confessado o crime para a mãe por meio de mensagens no Whatsapp.