Alagoas

Políticos e entidades lamentam falecimento de Rogério Teófilo

Eberth Lins | 08/08/20 - 11h44 - Atualizado em 08/08/20 - 11h48
Prefeito de Arapiraca morreu na noite dessa sexta-feira (07) em um hospital de Maceió, onde tinha sido internado para tratar de uma infecção pulmonar | Foto: Prefeitura de Arapiraca

A morte súbita do prefeito de Arapiraca, Rogério Teófilo, de 63 anos, está repercutindo entre políticos e entidades de toda Alagoas.

Desde a noite dessa sexta-feira (07), quando Teófilo morreu em um hospital de Maceió, após apresentar complicações causadas por uma infecção pulmonar, são diversas as manifestações de solidariedade e pesar.

O governador Renan Filho (MDB) escreveu que a morte do prefeito de Arapiraca representa uma perda para toda Alagoas.


Rui Palmeira (sem partido), prefeito de Maceió, lembrou da trajetória de Teófilo e disse que o estado perde um grande homem público.

A Agremiação Sportiva Arapiraquense, ASA, escreveu que está de luto pelo falecimento do seu mais nobre torcedor. 

Foto: Reprodução / Instagram

A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB-AL) publicou que lamenta profundamente e agradeceu toda contribuição que Rogério deu em prol dos alagoanos.

Foto: Reprodução / Instagram 

A Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) classificou Rogério Teófilo como um exemplo de cidadão e homem público.

 Foto: Reprodução / Instagram 

Nascido em Maceió, Rogério Teófilo foi eleito prefeito de Arapiraca em 2016 e tem uma extensa vida política, tendo sido eleito deputado estadual por três vezes e uma vez deputado federal.