Saúde

Prefeitura de Maceió inaugura rede de frio para acondicionar vacinas

Local armazenará imunobiológicos e insumos que são utilizados nas salas de vacinação das unidades de saúde

Redação | 31/08/20 - 14h40 - Atualizado em 31/08/20 - 14h48

O prefeito de Maceió, Rui Palmeira, e o secretário de Saúde, José Thomaz Nonô, inauguraram, na manhã desta segunda-feira, 31, a nova sede da Central Municipal de Rede de Frio, no bairro da Santa Amélia. O local é destinado para armazenar imunobiológicos e insumos que são utilizados nas salas de vacinação das unidades de saúde, auxiliando na imunização dos usuários.

De acordo com o prefeito Rui Palmeira, Maceió passa a ter uma das centrais mais modernas do país. “Quando assumimos, a rede de frio ficava de forma improvisada dentro da sede própria Secretaria de Saúde, um local inadequado. Quando o secretário Nonô assumiu, levou para uma das alas do PAM Salgadinho, que ainda não era o ideal. Agora, conseguimos entregar esse importante equipamento, um dos mais modernos do país”, disse Palmeira.

A Central conta com 24 equipamentos de refrigeração. Foram investidos aproximadamente R$ 1,5 milhão, entre recursos federais e municipais. 

“Aqui, nós vamos armazenar e distribuir todo tipo de medicamentos e insumos que precisam de refrigeração. O prédio foi bem planejado e projetado para isso. Uma das nossas melhores instalações”, disse o secretário José Thomaz Nonô. 

Segundo ele, o local foi escolhido por estar próximo do maior número de unidades de saúde e numa rua tranquila. “Além disso, temos um gerador para garantir a eletricidade e o correto armazenamento dos insumos”, completou o secretário.

Fernanda Rodrigues, diretora de Vigilância em Saúde, da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), fala como o prédio será importante. “Esse era um pleito antigo nosso. Trabalhamos com prevenção, então, é fundamental que tenhamos um local adequado para armazenar as vacinas. O cuidado com a Saúde desde o início até o final da assistência ao cidadão”.