Saúde

Problemas no sistema continuam impedindo atualização completa dos dados de Covid-19 em Alagoas

TNH1 com Assessoria Sesau AL | 20/07/20 - 16h23 - Atualizado em 20/07/20 - 16h50
Arquivo/Agência Alagoas

A secretaria de estado da saúde de Alagoas (Sesau) divulgou nesta segunda-feira (20) os dados do boletim epidemiológico do dia, mas fez um alerta: desde o fim de semana o sistema E-SUS Notifica, do Ministério da Saúde, está com problemas. Desta forma, os municípios alagoanos, responsáveis por comunicar à Sesau os casos notificados de síndrome gripal com resultado positivo para a Covid-19, continuam com dificuldades de atualizar os números da doença por meio desta plataforma. Os números no boletim, portanto, estão saindo de forma "incompleta". 

O Boletim Epidemiológico desta segunda-feira (20) confirma mais 228 casos de Covid-19 em Alagoas. Dessa forma, o estado tem um total de 50.307 casos confirmados do novo coronavírus até o momento, dos quais 4.574 estão em isolamento domiciliar e 160 internados em leitos públicos e privados. Outros 44.158 pacientes já finalizaram o período de isolamento, não apresentam mais sintomas e, portanto, estão recuperados da doença. Há 803 casos em investigação laboratorial. Foram registradas mais 16 mortes em território alagoano. Com isso, Alagoas tem 1.413 óbitos por Covid-19.

Dentre os óbitos, quatro vítimas residiam em Maceió e todas eram do sexo masculino. O homem de 63 anos tinha doença cardíaca crônica e faleceu na Santa Casa Maceió; o homem de 50 anos tinha doença cardiovascular e faleceu no Hospital Universitário; o homem de 65 anos tinha doença renal crônica e faleceu no Hospital Humanité; e o homem de 60 anos não tinha registro de comorbidades e faleceu na UPA Trapiche.

A Covid-19 vitimou mais doze pessoas que residiam no interior do estado, sendo dez homens e duas mulheres. O homem de 79 anos, de Traipu, era diabético e faleceu em sua residência; o homem de 89 anos, de Girau do Ponciano, não tinha registro de comorbidades e faleceu no Hospital Djacy Barbosa; o homem de 79 anos, de Delmiro Gouveia, não tinha registro de comorbidades e faleceu em sua residência; outro homem de Delmiro Gouveia, de 73 anos, não tinha registro de comorbidades e faleceu no Hospital da Mulher; o homem de 66 anos, de Murici, era diabético e faleceu no Hospital Metropolitano; o homem de 73 anos, de Arapiraca, não tinha registro de comorbidades e faleceu no HGE; outro homem de Arapiraca, de 64 anos, era diabético e faleceu no Hospital Djacy Barbosa; o homem de 57 anos, de Santa Luzia do Norte, não tinha registro de comorbidades e faleceu no Hospital Veredas; o homem de 18 anos, de Campo Alegre, não tinha registro de comorbidades e faleceu no Polo de Combate à Covid-19 do Município; e o homem de 75 anos, de Viçosa, era diabético e faleceu no Hospital da Mulher.

Em relação aos óbitos do sexo feminino, a mulher de 78 anos, de Estrela de Alagoas, era diabética e faleceu no Hospital Sanatório; e a mulher de 75 anos, de Boca da Mata, não tinha registro de comorbidades e faleceu no Hospital Sanatório.

Os casos confirmados estão distribuídos em 102 cidades: Maceió (20.054), Arapiraca (4.279), Marechal Deodoro (1.538), São Miguel dos Campos (1.426), Coruripe (1.019), Pilar (967), Rio Largo (912), Teotônio Vilela (902), Campo Alegre (817), Boca da Mata (779), Girau do Ponciano (761), União dos Palmares (649), Palmeira dos Índios (613), Porto Calvo (563), Santana do Ipanema (526), São Sebastião (526), Matriz do Camaragibe (492), São Luís do Quitunde (460), Atalaia (458), Capela (455), Penedo (436), São José da Laje (424), Olho d´Água das Flores (420), Delmiro Gouveia (414), Junqueiro (383), Satuba (368), Maragogi (353), Craíbas (351), Pão de Açúcar (341), Anadia (328), Messias (301), Murici (296), Jequiá da Praia (291), Major Izidoro (264), São José da Tapera (249), Piaçabuçu (245), Maribondo (244), Batalha (244), Igreja Nova (220), Passo de Camaragibe (218), Feira Grande (216), Colônia Leopoldina (206), Viçosa (205), Lagoa da Canoa (203), Joaquim Gomes (198), Porto Real do Colégio (180), Flexeiras (168), Limoeiro de Anadia (166), Taquarana (163), Santa Luzia do Norte (160), Cajueiro (156), Ibateguara (153), Quebrangulo (149), Coqueiro Seco (140), Campo Grande (134), Igaci (129), Paulo Jacinto (123), São Miguel dos Milagres (118), Roteiro (114), Japaratinga (111), Barra de São Miguel (110), Traipu (109), Paripueira (109), Barra de Santo Antônio (103), Coité do Noia (103), Estrela de Alagoas (102), Branquinha (101), Palestina (98), São Brás (97), Novo Lino (95), Santana do Mundaú (90), Dois Riachos (85), Olivença (81), Porto de Pedras (81), Tanque d´Arca (78), Cacimbinhas (77), Pariconha (72), Ouro Branco (69), Piranhas (61), Jacuípe (54), Campestre (49), Olho d´Água Grande (49), Água Branca (44), Senador Rui Palmeira (42), Monteirópolis (42), Belém (39), Feliz Deserto (35), Carneiros (35), Maravilha (34), Pindoba (32) Jaramataia (28), Mata Grande (28), Poço das Trincheiras (24), Chã Preta (23), Jundiá (23), Jacaré dos Homens (22), Belo Monte (20), Mar Vermelho (16), Canapi (16), Minador do Negrão (9), Olho d´Água do Casado (9), e Inhapi (7). As outras 129 pessoas que testaram positivo para a Covid-19 em Alagoas eram naturais de Pernambuco, Tocantins, Pará, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Paraíba, Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, Santa Catarina, Maranhão, Minas Gerais, Paraná, Ceará, Espírito Santo e Sergipe.

Óbitos

Até hoje foram confirmados 1.413 óbitos por Covid-19 em território alagoano, mas sete deles eram de pessoas residentes em Pernambuco, São Paulo, Santa Catarina e Bahia, tendo como vítimas cinco homens e duas mulheres.

Dos 1.406 residentes em Alagoas, 794 eram do sexo masculino e 612 do sexo feminino. Eram 675 pessoas que residiam em Maceió e as outras 731 moravam em Arapiraca (78), Rio Largo (47), União dos Palmares (25), São Miguel dos Campos (25), Marechal Deodoro (24), Palmeira dos Índos (21), Pilar (21), Coruripe (21), Teotônio Vilela (22), Matriz do Camaragibe (17), Murici (17), Boca da Mata (15), Atalaia (12), São Luís do Quitunde (12), Maragogi (11), Junqueiro (11), Messias (11), Campo Alegre (11), Porto Calvo (10), Joaquim Gomes (10), Maribondo (10), Santana do Ipanema (10), Cajueiro (10), Paripueira (10), Delmiro Gouveia (10), Passo de Camaragibe (9), Penedo (9), Ibateguara (9), Viçosa (9), São Sebastião (8), Piaçabuçu (8), Colônia Leopoldina (7), Barra de Santo Antônio (7), Batalha (6), Jequiá da Praia (6), Paulo Jacinto (6), Limoeiro de Anadia (6), São José da Laje (6), Olho d´Água das Flores (6), Girau do Ponciano (6), Coqueiro Seco (5), Novo Lino (5), Barra de São Miguel (5), Roteiro (5), Flexeiras (5), São Miguel dos Milagres (5), São José da Tapera (5), Campestre (4), Igreja Nova (4), Branquinha (4), Santana do Mundaú (4), Senador Rui Palmeira (4), Lagoa da Canoa (4), Anadia (4), Capela (4), Craíbas (4), Pão de Açúcar (4), Santa Luzia do Norte (4), Olho d´Água Grande (3), Jundiá (3), Poço das Trincheiras (3), Feliz Deserto (3), Major Izidoro (3), Japaratinga (3), Ouro Branco (3), Porto Real do Colégio (3), Canapí (3), Traipu (3), Estrela de Alagoas (3), Cacimbinhas (2), Piranhas (2), Maravilha (2), Feira Grande (2), Quebrangulo (2), Tanque D´Arca (2), Porto de Pedras (2), Olivença (2), Palestina (2), Taquarana (2), Belo Monte (2), Campo Grande (1), Belém (1), Pindoba (1), Jacuípe (1), Inhapi (1), Jacaré dos Homens (1), e Coité do Nóia (1), segundo o Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs).

Leitos de Covid-19 do Estado

Dos 1.312 leitos criados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) para atender, exclusivamente, pacientes com suspeita e confirmação de infecção pelo novo coronavírus, 478 estavam ocupados até as 11h de segunda-feira (20/07), o que corresponde a 36% do total. Atualmente, 181 pacientes estão em leitos de UTI, 08 em leitos intermediários e 289 em enfermaria. Para acompanhar a evolução da ocupação dos leitos exclusivos para Covid-19, acesse www.alagoascontraocoronavirus.com.br.

Ciente de que a instabilidade no sistema E-SUS Notifica acarreta na contabilidade de casos novos, a SESAU solicitou aos municípios o preenchimento de planilhas para confirmação dos casos de Covid-19, sendo necessário que o E-SUS Notifica seja atualizado oficialmente assim que o sistema retornar à sua normalidade.