Conteúdo de Marca

Profissões que estão em alta em 2021, segundo o LinkedIn

10/06/21 - 10h00 - Atualizado em 10/06/21 - 10h25

A pandemia da Covid-19 gerou uma das maiores crises econômicas dos últimos tempos no Brasil, gerando altas taxas de desemprego. No entanto, algumas categorias de profissionais foram contra este cenário e responderam bem às transformações no comportamento de consumo e necessidades de negócios.

O relatório “Empregos em Alta” do LinkedIn analisou as profissões que tiveram maior taxa de contratação entre abril e outubro de 2020, comparando-a com o mesmo período de 2019. Entre as categorias, estiveram: os profissionais de saúde, de tecnologia e criativos. Confira:

Profissionais da saúde especializados

Com a crise na saúde mundial causada pelo novo coronavírus, os profissionais da saúde foram os mais necessários. Houve alta demanda nas contratações, principalmente, dos profissionais que são especializados, como: enfermeiros de terapia intensiva, de saúde pública e pronto-socorro, clínico geral, fisioterapeuta, farmacêutico, médico e especialista clínico.

Profissionais de tecnologia

Com o isolamento social e, consequentemente, o fechamento de muitas empresas para o comércio presencial, essa categoria se mostrou extremamente importante para a criação de alternativas virtuais para negócios. Cargos que estiveram muito em alta foram os de: engenheiro de software, designer de interface do usuário, desenvolvedor de web e analista de sistemas.

Farmacêuticos e pesquisadores

A busca pela vacina movimentou consideravelmente a indústria farmacêutica e de pesquisa não só no Brasil, como no mundo. No país, organizações como o Instituto Butantan, o IQVIA e o PRA Health Sciences foram algumas das empresas que mais contrataram.

Profissionais de finanças

Com as baixas no mercado econômico e financeiro, os cargos de finanças foram muito procurados, como contadores, diretores financeiros e supervisores de contas a receber.

Serviços criativos

A pesquisa do LinkedIn também revelou que houve um aumento na busca por profissionais autônomos de escritores, ilustradores e designers.

Especialistas em saúde mental

Os impactos negativos da Covid-19 abalaram não somente a saúde física da população, como a saúde mental. 2020 foi um dos anos em que mais foram contratados especialistas em saúde mental.

O cenário continuará bom para eles

O cenário para estes profissionais ainda pode se estender por muito mais tempo. É por isso que você não pode pausar os seus objetivos no âmbito profissional. O CESMAC, em Alagoas, está com inscrições abertas para o seu vestibular, oferecendo R$ 500 de desconto na primeira matrícula, 50% nas mensalidades do primeiro semestre e 25% nas demais mensalidades até o fim do curso.

Todas as condições e as inscrições estão disponíveis no site cesmac.edu.br/vestibular.