Alagoas

‘Quem quer seguir o sonho, arrisca tudo’: jovens jogadores alagoanos comentam tragédia no Flamengo

08/02/19 - 21h41 - Atualizado em 08/02/19 - 21h51
Reprodução/TV Pajuçara

A tragédia que atingiu jovens jogadores da base do Flamengo nesta sexta (08) chocou o país, mas entre os companheiros de profissão das vítimas, que passam pelas mesmas dificuldades em busca do sonho de despontar no futebol, a dor e o susto são ainda maiores.

Em Alagoas, garotos que disputam um torneio amador e seus treinadores falaram com a equipe de reportagem da TV Pajuçara sobre o ocorrido. Afetados pelo que aconteceu no Rio de Janeiro, eles lamentam as perdas, mas ressaltam que os companheiros que sobreviveram precisam seguir em frente.

“Quem quer seguir o sonho, arrisca tudo”, diz o jovem atacante Carlisson Augusto, atualmente no Náutico-PE. Ele já está há dois anos na rotina de viver em concentrações.

Confira a reportagem completa: