Alagoas

Seca: Governo de Alagoas reconhece situação de emergência em 42 municípios

Ascom AMA-AL | 21/01/22 - 16h20
Agência Brasil

Com o início do verão e o longo período de estiagem, o Governo de Alagoas decretou situação de emergência em 42 municípios do seminário alagoano, por conta da seca que assola as cidades.

A Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) segue acompanhando junto às cidades a atualização dos dados enviados para os órgãos competentes a fim de manter em plena realização a Operação Pipa, executado pelo Exército Brasileiro.

As regiões afetadas pela estiagem estão em situação de emergência por 180 dias. O governo informou que, junto a órgãos municipais, vai adotar medidas para restabelecer a normalidade na região do semiárido.

O decreto ainda estima os danos e os prejuízos econômicos causados pelo período para a população dos municípios afetados, que sofrem com a falta de chuvas e com o abastecimento irregular de água.

Confira abaixo a lista dos municípios em situação de emergência:

  1. Água Branca
  2. Arapiraca
  3. Batalha
  4. Belém
  5. Belo Monte
  6. Cacimbinhas
  7. Canapi
  8. Carneiros
  9. Coité do Nóia
  10. Craíbas
  11. Delmiro Gouveia
  12. Dois Riachos
  13. Estrela de Alagoas
  14. Girau do Ponciano
  15. Igaci
  16. Inhapi
  17. Jacaré dos Homens
  18. Jaramataia
  19. Lagoa da Canoa
  20. Major Izidoro
  21. Maravilha
  22. Mata Grande
  23. Minador do Negrão
  24. Monteirópolis
  25. Olho d’Água das Flores
  26. Olho d’Água do Casado
  27. Olho d’Água Grande
  28. Olivença
  29. Ouro Branco
  30. Palestina
  31. Palmeira dos Índios
  32. Pão de Açúcar
  33. Pariconha
  34. Paulo Jacinto
  35. Piranhas
  36. Poço das Trincheiras
  37. Quebrangulo
  38. Santana do Ipanema
  39. São José da Tapera
  40. Senador Rui Palmeira
  41. Tanque d’Arca
  42. Traipu

Confira aqui o Diário Oficial.