Alagoas

Sete pessoas são detidas e levadas à PF por envolvimento em cadastro imobiliário suspeito

Teresa Cristina | 29/11/20 - 11h22 - Atualizado em 29/11/20 - 11h43
Foto: Assessoria

Na noite desse sábado (28), militares do 8º Batalhão foram acionados para a cidade de Rio Largo. A denúncia dava conta de que pessoas estavam reunidas em duas residências e que, nos locais, estavam feitos cadastros e informações pessoais sendo recolhidas.

Os militares encontraram formulários de financiamento imobiliários e R$ 8.900. O material e sete pessoas (cinco mulheres e dois homens) foram levados à sede da Superintendência Federal em Alagoas, no bairro de Jaraguá.

Ao TNH1, a Polícia Federal informou que o caso não teve relação com crime eleitoral, como chegou a ser cogitado na noite de ontem. A informação foi confirmada pela assessoria de comunicação da Polícia Federal em Alagoas, que acrescentou que as pessoas foram liberadas após prestar depoimento ao delegado Polybio Brandão.

A assessoria da PF informou também que será instaurado um inquérito para apurar o que aconteceu.