Polícia

Sobrevivente de atentado a tiros em Marechal segue internado no HGE

Redação TNH1 | 23/07/20 - 09h20 - Atualizado em 23/07/20 - 09h48
Carla Cleto

José Valter da Silva Santos, de 54 anos, que sobreviveu após ser baleado durante um atentado no bairro de Taperaguá, em Marechal Deodoro, nessa quarta-feira, 22, segue internado no HGE, em Maceió, e o estado de saúde dele é considerado estável.

A assessoria do hospital confirmou que o homem foi ferido no braço direito, nas costas e na região da bacia. Ele está no setor Área Vermelha Trauma, sob os cuidados da ortopedia e em observação. 

José Valter e mais duas pessoas foram baleadas por uma dupla criminosa na noite de ontem. As outras vítimas, identificadas como Walterline Rocha dos Santos, 34 anos, e Neildes Rocha da Silva, 48 anos, não resistiram aos ferimentos e morreram. A motivação do crime não foi revelada.

Os dois suspeitos, um de 25 e outro de 32 anos, foram presos instantes depois do ataque e levados para a Central de Flagrantes I, no Farol, em Maceió.

Acidente durante socorro

Um acidente de trânsito envolvendo um veículo que socorria Neildes Rocha, uma das vítimas baleadas, foi registrado pela Polícia Militar na AL-215 e mais cinco pessoas ficaram feridas. A mulher, impedida de ser levada ao hospital, acabou morrendo na rodovia devido aos ferimentos causados pela arma de fogo.

O automóvel, um Chevrolet/Classic, bateu de frente com um outro carro de mesmo modelo durante o trajeto. O esposo dela, José Francisco da Silva, que conduzia o carro, e Marcela dos Santos, que também auxiliava a vítima, ficaram feridos. O homem já recebeu alta médica, enquanto Marcela continua internada no HGE.

Além dos dois, três ocupantes do outro Chevrolet/Classic precisaram de atendimento. O motorista Gedson da Rocha Santos Leite e os passageiros Glezia Vitória da Silva de Souza e Gilberto Neto dos Santos. Gedson e Gleiza tiveram ferimentos leves e já foram liberados do hospital. Já Gilberto segue em observação.

O BPRv afirmou que o carro conduzido por José Francisco seguia no sentido Centro/Praia do Francês, quando colidiu frontalmente com o veículo guiado por Gedson, que vinha em direção contrária na pista. Equipes do Samu realizaram o resgate dos cinco feridos.