Saúde

Vacinação contra H1N1 exige documentos; saiba quais

28/04/16 - 11h34 - Atualizado em 28/04/16 - 11h38

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) orienta a população sobre a documentação que deve ser apresentada para receber a vacina contra o H1N1, H3N2 e influenza B. As vacinas estão disponíveis em todos os postos de saúde de Alagoas e serão administradas até o dia 20 de maio.

A assessora do Programa Nacional de Imunização (PNI), Denise Castro, explicou que a vacina é destinada a crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhador de saúde, idosos (a partir de 60 anos), povos indígenas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens entre 12 e 21 anos sob medida socioeducativa e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis.

A assessora ressaltou que grávidas a partir de 12 semanas não precisam de comprovação da gestação. “As puérperas devem portar além do cartão de vacinação a certidão de nascimento do bebê ou documento do hospital onde ocorreu o parto”, ressaltou.

Já no caso de portadores de doenças crônicas não transmissíveis a pessoa deve apresentar uma prescrição médica especificando o motivo de indicação da vacina.

Denise Castro reforçou que Alagoas está com um estoque de vacinas adequado a demanda. “Não existe necessidade de pânico ou tumultos nos locais de vacinação. O Estado está preparado para o atendimento e a campanha acontece até o dia 20 de maio em todos os postos de saúde e em locais estratégicos de grande circulação de pessoas”, reforçou Denise Castro.