Interior

Veja o que se sabe sobre o acidente com van que deixou mais de 5 vítimas em Rio Largo

João Victor Souza* | 09/07/24 - 07h07
Cortesia

O grave acidente entre o veículo de modelo Chevrolet S10 e a van de transporte urbano do município de Rio Largo, no fim da última tarde, provocou uma correria no socorro das vítimas e assustou quem passava pela Rua Presidente Fernando Collor entre 18h e 19h. Ao menos oito pessoas teriam sido socorridas, segundo a população, mas seis foram confirmadas pelo Corpo de Bombeiros. Uma havia ficado presa às ferragens.

De acordo com informações passadas pela corporação, cerca de uma hora depois do acidente, o motorista do veículo de cor verde e cinco passageiros da van foram atendidos e encaminhados pelas equipes de resgate para unidades de saúde. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também participou do socorro. O estado de saúde das seis pessoas não foi revelado.

Uma testemunha contou à TV Pajuçara que uma ultrapassagem mal sucedida causou a batida entre os veículos. Câmeras de monitoramento devem ser consultadas para a descoberta das circunstâncias da colisão. Abaixo, confira mais detalhes do acidente.

Atendimento às vítimas

As seis vítimas atendidas pelo Corpo de Bombeiros foram levadas para o Hospital Ib Gatto, em Rio Largo, e para o Hospital Geral do Estado, em Maceió. O motorista da van foi o único a ficar preso às ferragens, mas foi retirado com êxito pelos militares.

"Três vítimas foram atendidas e encaminhadas para a unidade hospitalar pelas viaturas do SAMU (USB-08, USB-09 E USB RIO LARGO). As outras vítimas, por ambulâncias da cidade", informou o Bombeiros ao destacar também que ninguém ficou com ferimentos graves.

Vazamento de gás

Logo depois da colisão, houve a informação de que um vazamento de GNV (Gás Natural Veicular) foi registrado em um dos automóveis. A via foi interditada por agentes do Departamento Municipal de Transportes e Trânsito e a situação foi rapidamente controlada sem deixar mais vítimas.

"O motorista  da van estava preso pelas pernas nas ferragens, sendo desencarcerado pela guarnição do APP-01, que o retirou e deixou aos cuidados das guarnições do SAMU. A guarnição do ABT-16 realizou o corte da bateria e o fechamento do registro do GNV", consta no boletim do Bombeiros.

Van teria saído de ponto de ônibus

Segundo o presidente da Associação de Transporte Urbano de Rio Largo, Rafael Tenório, o veículo tinha acabado de sair de um ponto de ônibus, quando tinha deixado um passageiro, e ao seguir pela pista, foi atingido pelo Chevrolet S10. 

"O veículo lá tentou ultrapassar uma moto, estamos buscando imagens para comprovar, e pegou a van de frente. Bateu e ela ficou em uma via que não pode ultrapassar. No impacto, o carro bateu lá e a van ficou totalmente destruída", disse.

O guincho foi solicitado para a retirada da van, pois como ela ficou danificada, também ficou presa no local do acidente. O veículo de cor verde foi encontrado com a parte frontal destruída.

*Com informações da TV Pajuçara