Polícia

Vídeo: envolvidos na morte de mulher na Gruta estudaram rotina da vítima

João Victor Souza | 09/10/19 - 08h24 - Atualizado em 09/10/19 - 08h47
Suspeito é flagrado por câmera de monitoramento | Reprodução

O casal suspeito de matar a tiros Ana Paula Justino da Silva, 46 anos, na manhã dessa terça, 08, no bairro Gruta de Lourdes, em Maceió, teria passado mais de uma vez pelo local do crime dias antes. A informação foi passada pela Polícia Civil, nesta quarta-feira, 09.

Um vídeo de câmera de segurança registrado momentos antes do crime mostra o homem que teria sido o autor dos disparos. Ele anda próximo ao Grand Siena usado no crime, minutos antes de a vítima chegar de moto, com o namorado. Assista:

Romenick Rosalino da Silva, 24 anos, e Daniela Michaela Gonçalves da Silva, 25, foram presos ainda ontem suspeitos de participar do crime, e foram levados para a sede da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), onde prestaram depoimentos. Segundo a polícia, eles entraram em contradição.

Um agente que preferiu não se identificar conversou com a Rádio Pajuçara FM Maceió e revelou que os autores estudaram a rotina da vítima para cometer o homicídio. "O crime foi todo premeditado, pela logística que foi apurada. Nós tivemos informações de que o carro passou algumas vezes no mesmo local dias atrás, fazendo o mapeamento da área para que tudo fosse feito da maneira mais correta para eles", disse.

Ainda segundo o policial, as imagens de câmeras de segurança puderam ser analisadas pelo serviço de inteligência da corporação. "Eles quiseram fazer o mapeamento, mas tinham várias câmeras em volta, o local é próximo de um hospital, então se deram mal", acrescentou.

Além do casal, a polícia apreendeu o veículo utilizado no dia do assassinato, um Grand Siena azul escuro, de placa OHH-1083. O automóvel foi abandonado na Avenida Cachoeira do Meirim e localizado pela Polícia Militar após denúncia.

O crime

Funcionários de estabelecimentos na região informaram à reportagem que um Siena de cor escura estacionou o carro em um restaurante próximo, um homem desceu e atravessou a rua, onde ficou à espera de Ana Paula, que trabalhava próximo dali.

Ela chegou ao local como passageira de uma moto conduzida pelo namorado e, ao descer, foi atingida por quatro ou cinco tiros, todos na região da cabeça e pescoço. O autor dos disparos fugiu sem ser identificado.

De acordo com um policial, câmeras de estabelecimentos próximos mostram que o autor dos disparos é um homem moreno, alto e vestia calça preta e camisa listrada. Ele chegou cerca de 10 minutos antes da vítima, passou por ela a cerca de 20 metros de distância, esperou o namorado se distanciar e, segundos depois, atirou.

Um carro semelhante ao envolvido no crime foi visto horas depois no bairro de Bebedouro, e é procurado pela Polícia Militar.