Economia

Você sabe qual o setor econômico alagoano que cresce em ritmo chinês? Cícero Péricles explica a Ricardo Mota

TNH1 | 24/08/20 - 09h04 - Atualizado em 25/08/20 - 10h40
Foto: Itawi Albuquerque/TNH1

Setores tradicionais da economia alagoana mantêm seu papel,  mas começam a dar espaço para outros ramos.

Na segunda parte da entrevista de Cícero Péricles de Carvalho a Ricardo Mota, o economista afirma que atualmente o principal setor econômico - no sentido de empregabilidade, geração de receita , impostos e renda – é o setor de distribuição. 

“São os atacadistas. Nós temos aqui em Alagoas 140 empresas que fazem a distribuição do atacado, que compram em grosso de São Paulo, Rio, Minas, os produtos que a sociedade consome, traz para cá e faz a distrubição para aproximadamente 12 mil pontos de varejo. Cinquenta empresas desse grupo, geraram, no ano passado, uma receita de R$ 3,6 bilhões de reais”, afirma o economista.

“Esse setor, que organiza o varejo, cresceu, em abril, maio, junho e julho, segundo aSefaz, em média 8% ao mês. É um crescimento ‘chinês’”, avalia Péricles.