Economia

Auxílio emergencial: veja qual parcela vai sacar nesta terça-feira (1º)

01/09/20 - 08h26 - Atualizado em 01/09/20 - 08h41
Foto: Divulgação

O pagamento do auxílio emergencial para inscritos no aplicativo ou site é retomado pela Caixa Econômica Federal nesta terça-feira (1º), com saque da quarta parcela para os nascidos em agosto.

O mesmo acontece com a terceira parcela, para quem foi aprovado em maio, a segunda parcela, para quem foi aprovado em junho e a primeira parcela, para quem foi aprovado no auxílio emergencial em julho. 

Sacam também a 1º parcela os beneficiários do auxílio emergencial aprovados após contestação, entre 24 de abril e 19 de julho, e os que receberam o auxílio emergencial em abril, mas tiveram cadastro reavaliado e aprovado novamente. 

Os trabalhadores que realizaram o cadastro nas agências dos Correios, entre os dias 8 de junho e 2 de julho, e os que fizeram contestação do pedido de auxílio entre os dias 3 de julho e 16 de agosto e que tenham sido considerados elegíveis, não recebem ou sacam nesta terça-feira (1º). Eles estão no ciclo 2 de pagamentos, que continua nesta quarta (2).

Em relação aos casos dos trabalhadores que tenham recebido a primeira parcela em meses anteriores e tiveram o pagamento suspenso em agosto, o Ministério efetuará o pagamento de todas as parcelas restantes, no período de 28 de agosto a 30 de setembro, segundo mês de nascimento.

Os saques serão liberados no período de 19 de setembro a 27 de outubro, também segundo mês de nascimento. 

O pagamento das parcelas do auxílio emergencial será efetuado por meio da poupança social digital e também em agências da Caixa Econômica Federal.

Ciclos de pagamento

Esse "novo" calendário marca a entrada desses novos beneficiários do auxílio emergencial nos ciclos de pagamento já existentes. Os novos beneficiários entram a partir do 2º ciclo de pagamentos, que começa na sexta-feira (28), com crédito em conta para os beneficiários nascidos em dezembro. 

O calendário do auxílio emergencial, divulgado pelo Ministério da Cidadania, nessa quarta-feira (26), vale para os trabalhadores que realizaram o cadastro nas agências dos Correios entre os dias 8 de junho e 2 de julho, os que fizeram contestação do pedido de auxílio entre os dias 3 de julho e 16 de agosto e que tenha sido considerado elegível.

O novo calendário também abrange as pessoas que receberam a primeira parcela em meses anteriores, mas tenham tido o pagamento reavaliado em agosto de 2020.

Esses beneficiários seguem o calendário geral do auxílio emergencial, a partir do 2º ciclo, de acordo com os meses de nascimento. Você pode conferir as datas abaixo. 

Em relação aos casos dos trabalhadores que tenham recebido a primeira parcela em meses anteriores e tiveram o pagamento suspenso em agosto, o Ministério efetuará o pagamento de todas as parcelas restantes no período de 28 de agosto a 30 de setembro. Os saques serão liberados no período de 19 de setembro a 27 de outubro.

Os outros beneficiários recebem apenas a 1º parcela, neste período. 

Você pode ver o calendário de todos os ciclos de pagamento do auxílio emergencial abaixo ou consultar o calendário do auxílio emergencial para esse grupo.

Beneficiários que contestaram entre 24/04 e 19/07 e que tiveram cadastros reavaliados em julho

Esses beneficiários também foram inclusos no calendário de ciclos de pagamento do auxílio emergencial, divulgados pela Caixa Econômica Federal para todos os beneficiários, com as datas de pagamento até a 5º parcela do auxílio emergencial. [veja abaixo].

As parcelas serão recebidas e sacadas de acordo com os meses de nascimento desses beneficiários e com a sequência de parcelas que eles já estão recebendo.

A princípio, foi divulgado um calendário separado para esse público do auxílio emergencial, para que eles pudessem se igualar ao calendário geral. Você pode conferir todas as datas de pagamento já divulgadas, abaixo.

Ciclos de pagamento

1º CICLO

Quarta parcela

O público beneficiário do auxílio emergencial que tenha recebido a primeira parcela em abril de 2020, receberá o crédito da quarta parcela em poupança social digital aberta em seu nome, de 22 de julho a 26 de agosto, conforme o mês de nascimento.

Assim, nascidos em janeiro recebem no dia 22; em fevereiro, em 24 de julho; em março, 29 de julho; em abril, 31 de julho; em maio, 5 de agosto; em junho, 7 de agosto; em julho, 12 de agosto; em agosto, 14 de agosto; em setembro, 17 de agosto; em outubro, 19 de agosto; em novembro, 21 de agosto; e em dezembro, 26 de agosto. O saque em dinheiro será entre os dias 25 de julho e 17 de setembro.

Terceira parcela

Os beneficiários que tenham recebido a primeira parcela em maio de 2020 receberão o crédito da terceira parcela em poupança social digital, seguindo o mesmo cronograma acima.

Segunda parcela

Esse cronograma também será válido para os beneficiários que receberam a primeira parcela em junho de 2020 ou até 4 de julho de 2020. Nesse caso, será feito o crédito da segunda parcela.

Primeira parcela

Quem ainda não recebeu a primeira parcela do auxílio emergencial, também receberá o crédito conforme esse cronograma. Esse é o caso dos beneficiários que tenham se cadastrado no programa entre os dias 17 de junho a 02 de julho de 2020.

Também recebem a 1º parcela aqueles que contestaram e foram considerados elegíveis entre 24/04 e 19/07.

  • Os que tiveram cadastro reavaliado em julho, sendo considerados novamente elegíveis, recebem as parcelas que faltam para entrarem no calendário normal.