Maceió

Braskem conclui 15º estudo de sonar

18/07/19 - 20h13
Divulgação

A Braskem concluiu o décimo quinto estudo de sonar nos poços de extração de sal. O trabalho da petroquímica é intenso e tem o objetivo de contribuir para a elucidação dos problemas registrados nos bairros do Pinheiro, Bebedouro e Mutange, em Maceió. A partir da compreensão das causas, será possível adotar medidas efetivas de segurança em benefício da comunidade local.

Os estudos são fiscalizados pela Agência Nacional de Mineração. Nesta quinta-feira, 18, profissionais da ANM realizaram uma visita técnica para verificar o andamento dos sonares realizados pela Braskem.

Quase 300 profissionais de 13 empresas nacionais e internacionais participam do trabalho. Seis sondas são utilizadas simultaneamente, uma em cada cavidade, numa corrida contra o tempo, já que algumas tubulações empenadas dificultam o acesso dos equipamentos. A previsão de conclusão dos 35 sonares é para o fim do ano.

Em situações mais complexas, as empresas contratadas realizam perfurações paralelas às tubulações, para permitir que o equipamento de sonar desça à profundidade entre 900 e 1.200 metros. O procedimento segue normas internacionais de segurança e, a cada poço concluído, as perfurações no solo são fechadas.

"