Alagoas

Chuvas: abastecimento de água começa a ser retomado em municípios da Região Metropolitana

BRK segue com o monitoramento constante dos mananciais, que permanecem em estado de atenção, e equipes em campo 24 horas para atender às diversas ocorrências

Ascom BRK | 06/07/22 - 18h55
Bárbara Pacheco/Ascom BRK

Equipes da BRK seguem trabalhando 24 horas por dia para restabelecer o abastecimento de água nos municípios da Região Metropolitana de Maceió atingidos pelas fortes chuvas, que provocaram enchentes e diversos transtornos na infraestrutura dos sistemas produtores. Com a diminuição do nível dos rios, foi possível retomar a operação de unidades de Atalaia, Marechal Deodoro, Messias, Pilar e Rio Largo, que já começam a receber água em algumas localidades.

Em Atalaia, a Estação de Tratamento de Água (ETA) Rua da Linha, que abastece a maior parte da cidade, voltou a operar normalmente nesta quarta-feira (6). Com isso, apenas cerca de 4% dos imóveis atendidos pela BRK no município seguem com o abastecimento comprometido devido às chuvas. As Captações Santo Antônio 1 e 2 seguem paralisadas por falta de energia e a Captação Sapucaia por causa da alteração das condições da água bruta captada no manancial.

Já em Marechal Deodoro, a reservação da Captação Broma segue paralisada devido à turbidez da água bruta, enquanto as Captações Volta D’Água e Bica da Pedra operam com vazão reduzida para assegurar a potabilidade da água tratada distribuída no município. Os mananciais permanecem em estado de atenção e em monitoramento constante para a retomada da operação do sistema produtor em plena capacidade.

A Captação Osório, em Messias, que também foi paralisada devido às condições climáticas, voltou a operar normalmente nessa terça-feira (5). O sistema, operado pela Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), está em processo de recuperação e o abastecimento deve ser retomado de forma gradativa nas regiões atendidas. A mesma situação ocorre em Pilar, onde a ETA, também operada Casal, teve a operação retomada em plena capacidade nesta quarta-feira (6).

De acordo com informações da Casal, também responsável pelo sistema produtor de Rio Largo, a operação da Captação Mata do Rolo foi retomada após reparo de uma adutora que apresentou rompimento em consequência das chuvas torrenciais. A ETA Jarbas Oiticica, por sua vez, opera com capacidade reduzida para assegurar a qualidade da água tratada entregue à população.

“É possível que ainda ocorra alguma instabilidade no abastecimento de regiões onde as unidades já voltaram a operar, tanto em virtude do processo de recuperação dos sistemas quanto pelo consumo excessivo, já que há muita gente usando água ao mesmo tempo para lavar as casas e as ruas. Esse é um momento, também, de alertar a população para o consumo consciente”, destacou o diretor operacional da BRK em Alagoas, Herbert Dantas.

Mobilização - Diante do cenário emergencial, a BRK intensificou o trabalho de campo junto às equipes de plantão, que atuam 24 horas por dia todos os dias da semana, e ampliou a frota de caminhões-pipa para atender às unidades de serviços essenciais nos municípios atingidos pelas cheias. A empresa também disponibilizou retroescavadeiras, caminhões a jato e equipamentos para apoio às prefeituras nas limpezas de ruas, escolas e prédios públicos.

Além disso, as lojas da BRK passaram a ser pontos de arrecadação de donativos para as vítimas das enchentes, que serão entregues à Defesa Civil de Alagoas para a distribuição. A empresa dobrará as doações recebidas como uma forma de incentivar a população a aderir à campanha solidária, que visa arrecadar vestimentas, materiais de higiene pessoal, produtos de limpeza, cobertores, toalhas e roupas de cama.