Brasil

Ciro Gomes diz que policiais miraram no peito esquerdo do irmão dele, Cid Gomes

Redação TNH1 | 19/02/20 - 18h54 - Atualizado em 20/02/20 - 06h21

Após o senador e ex-governador do Ceará Cid Gomes (PDT) ser baleado durante manifestação em Sobral, o irmão dele, Ciro Gomes, também ex-governador do Ceará e candidato à presidência da República nas últimas eleições, se manifestou nas redes sociais. Ele disse que Cid Gomes levou dois tiros, mas que os órgão vitais não haviam sido atingidos, apesar de que o atirador teria mirado no peito esquerdo do irmão dele.

"Meu irmao Cid Gomes foi vitima de dois tiros de arma de fogo por parte de policiais militares amotinados e mascarados em Sobral, nossa cidade. Até aqui as informações médicas são de que as balas não atingiram órgãos vitais apesar de terem mirado seu peito esquerdo".